Gestão de Processos

Ξ 1 comentário

9 princípios para transformar processos de negócio

publicado por Marcelo Celebroni

Para melhorar efetivamente qualquer negócio, é preciso construir um ambiente que promova a busca pela melhoria contínua, e para que este cenário seja alcançado, existem 9 princípios que direcionam o escritório de processos a transformar os processos de negócio da empresa, com o objetivo de reduzir custos, aumentar os resultados, financeiros ou não, e aumentar a qualidade dos serviços prestados, seja no ambiente interno ou externo da empresa. São eles:

  1. Satisfação total dos clientes: um processo projetado corretamente considera as necessidades, perspectivas e requisitos dos clientes. É preciso conhecer bem o cliente (interno/externo), para que se possam definir adequadamente suas necessidades e requisitos, e atendê-los da melhor forma possível. O processo deve ser projetado de modo a produzir resultados que satisfaçam as exigências do cliente. É o principal aspecto as ser considerado nas ações de melhoria de um processo.
  2. Gerência participativa: o comando de uma organização deve procurar conhecer e avaliar a opinião dos seus subordinados envolvidos no assunto em questão. Esse aspecto é importante para que as idéias sejam discutidas e o melhor desempenho seja alcançado para um processo.
  3. Desenvolvimento humano: a prosperidade das organizações tem relação direta com a evolução e a felicidade dos seres humanos que nelas trabalham. É com base no conhecimento, habilidades, criatividade, motivação e competência das pessoas que se pode chegar à melhor eficiência, eficácia e efetividade da organização. O sucesso das pessoas, por sua vez, depende cada vez mais de oportunidades para aprender e de um ambiente favorável ao pleno desenvolvimento de suas potencialidades.
  4. Constância de propósitos: é preciso saber aonde se quer chegar e perseverar no “como chegar”. Nem sempre, numa iniciativa de melhoria de processos, se consegue um bom resultado da primeira vez. É importante confiar na metodologia e persistir na sua aplicação, pois certamente os resultados irão aparecer.
  5. Melhoria contínua: somente através do comprometimento com o aperfeiçoamento contínuo é possível alcançar objetivos, metas e resultados além do esperado. A melhoria do desempenho dos processos deve ser o objetivo permanente da organização.
  6. Gestão por processos: um processo deve ser discutido tratado e melhorado em esforço conjunto de seus fornecedores, gerentes, executores e clientes. É a própria aplicação do Ciclo PDCA (Planejar, Executar, Verificar e Agir) nos processos. A metodologia de Transformação de Processos de Negócio é imprescindível para o desenvolvimento desses processos.
  7. Gestão de informação e comunicação: passar a informação certa para a pessoa certa no momento oportuno e de forma correta. A obtenção de uma solução rápida e adequada para um problema, certamente está ligada à forma pela qual a informação é tratada pela organização.
  8. Garantia da qualidade: assegurar que a melhor qualidade conseguida até o momento possa ser mantida e servir de referencial para novas melhorias. Também está presente em algumas fases importantes da metodologia de Transformação de Processos de Negócio, como por exemplo, o conhecimento e a sistematização do processo existente e a normalização das melhorias introduzidas.
  9. Excelência: no caminho para a excelência, os erros devem ser evitados e as suas causas eliminadas, mas sempre considerados como a melhor oportunidade de acerto. A definição do que é certo é básica para se traçar os objetivos da Transformação de Processos de Negócio.
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Administrador de empresas e especialista BPM(Business Process Management) com mais de 12.000 horas de experiência em definição estratégica para implementação de transformação organizacional, através da gestão por processos de negócio, preparação do ambiente organizacional para gestão orientada por processos de negócio, comunicação organizacional, identificação e análise dos fatores críticos de sucesso para o negócio, definição e modelagem de cadeia de valor, priorização de processos críticos ao negócio, modelagem e análise de processos detalhados, identificação de pontos fracos e oportunidades de melhoria, proposição de quick wins, identificação e controle de riscos associados ao negócio, definição de indicadores para monitoramento de processos, planejamento para gestão de indicadores de processos, implementação da gestão de indicadores, definição de acordos de nível de serviço, dimensionamento de recursos necessários para execução de processos, composição de cenários propostos, simulação de cenários, treinamento de equipes para execução e gestão de processos, implementação de novo cenário, operação assistida para o processo implementado, auditoria de processos, consultoria e orientação de processos para as áreas internas, definição e treinamento de donos de processo, preparação de ambiente para gestão de pessoas orientada por competências, adaptação de tecnologia como suporte a execução de processos, planejamento para governança de processos, implementação de escritório de processos, implementação de Enterprise Architecture, treinamento conceitual de BPM (mais de 100 gestores formados), treinamento prático de modelagem de processos (mais de 100 gestores formados) e planejamento, execução e gestão de projetos. Atuou em projetos ligados a objetivos estratégicos críticos para o negócio de empresas tais como, banco Mercantil de São Paulo-FINASA, Telefônica, BCP, Bradesco, NET, Actua (Grupo CCR), IDS Scheer, Sem Parar/Via Fácil, MERCER, Banco ABN, Porto Seguro, Oxiteno, BUNGE, Urbeluz, Siemens, Ministério do Planejamento, Banco de Quayaquil (Equador), Rede Energia, AstraZeneca, Schahin e Claro. Atualmente administra a Celebroni BPM (www.celebroni.com.br), consultoria que além de desenvolver projetos de melhoria contínua através das práticas de BPM, também forma gestores de processos, através de seus treinamentos. Também é consultor especialista em gestão por processos de negócio, convidado pela FIAP (Faculdade de Informática e Administração Paulista – www.fiap.com.br) , Guia Training/Guia Business Media (www.guiatraining.com.br) e Trainning (www.trainning.com.br) para ministrar treinamentos de BPM (Business Process Management).

Marcelo Celebroni

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.