Gestão de Processos

Ξ 2 comentários

Afinal: O que é essa tal de BPM?

publicado por Cricia Silva

Afinal: O que é essa tal de BPM?Este artigo destina-se a profissionais que desejam diferenciar alguns conceitos relacionados a BPM e que possuem interesse em atuar, no entanto, não possuem nenhum conhecimento a respeito.

Confesso que sou iniciante no assunto, no entanto tenho aprendido muito a partir de excelentes leituras, entre elas está o excelentíssimo livro BPM Para Todos do autor Gart Capote. Este livro simplesmente respondeu muitas dúvidas “bobas” a respeito de BPM.

Para entender o que é essa tal de BPM é preciso compreender o que NÃO é essa tal de BPM. E por que isso é importante? É simples, você irá saber diferenciar e escolher materiais que podem ser aproveitados para o seu estudo além de saber conceitualizar de forma correta o que é a tal da BPM.

BPM Não é …

uma atividade burocrática e enfadonha feita pela área de qualidade de algumas organizações;

uma iniciativa contínua para documentação e impressão incessante de processos;

um trabalho criado para obedecer a normas obtusas e com isso obter certificações de qualidade – já comoditizadas e que não são realizadas na prática.

uma METODOLOGIA;

é uma TECNOLOGIA;

é uma FILOSOFIA;

Agora que já sabemos o que essa tal de BPM não é vamos descobrir o que ela realmente é e assim, poderemos deixar de chamá-la de “essa tal de BPM”. Segundo a definição existente no BPM CBOK® da ABPMP Internacional (Associação de Profissionais de Gerenciamento de Processos de Negócio):

BPM é uma abordagem disciplinar para identificar, desenhar, executar, documentar, medir, monitorar, controlar e melhorar processos de negócio, automatizados ou não, para alcançar resultados consistentes e alinhados com os objetivos estratégicos da organização.

Em outras palavras, BPM É uma DISCIPLINA de gestão organizacional que serve para identificar, desenhar, executar, documentar, medir, monitorar, controlar e melhorar processos de negócios. É importante destacar que a BPM possibilita que a empresa trabalhe diariamente em cada uma de suas atividades desenvolvidas orientadas para obtenção de seus propósitos empresariais: VISÃO, MISSÃO E VALORES.

Por que utilizar a BPM?

Pois, o gerenciamento dos negócios e processos disponibilizará a informação correta para a tomada de decisão no nível estratégico, afim de gerenciar processos e garantir a coordenação das atividades no nível operacional.

Enfim: qual a relação da TI com a BPM?

A BPM integra conhecimentos e práticas advindas de áreas como: Administração, Engenharia de Produção, Sistemas de Informação e Engenharia de Software. Além de alinhar os processos de negócios aos sistemas de TI dessa forma, é possível a criação de modelos automatizados de processos, alterando-os necessário ou criando novas tarefas.

A tecnologia da informação dá suporte à coordenação das atividades dos processos, mas seu papel tem sido continuamente ampliado afim de, apoiar o projeto ou desenho de processos, criar e registrar o conhecimento sobre os processos e para a própria gestão de processos no dia-a-dia

(Livro: Gestão de Processos, Pensar, Agir e Aprender )

[Crédito da Imagem: BPM – ShutterStock]

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Estudante de Gestão em Tecnologia da Informação na FATEC Dom Amaury Castanho em Itu. Atualmente sou Estagiária em Desenvolvimento de Software e Análise de processos e negócios - BPM na FATEC de Sorocaba.

Cricia Silva

Comentários

2 Comments

  • Parabéns pelo artigo! Excelente demonstração aos novos entrantes da área!
    Forte abraço!

    • Obrigada Fabiano!

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes