Carreira

Ξ Deixe um comentário

3 dicas para melhorar o acesso remoto e proteger a rede dos seus clientes

publicado por Luís Montanari

Criptografia-ajuda-a-aprimorar-a-segurança-remotaDescubra quais cuidados conseguem reforçar a segurança cibernética durante o acesso remoto

Sem dúvida, o acesso remoto é um dos maiores avanços trazidos pela tecnologia. Mas, ao mesmo tempo em que oferece inúmeras vantagens, a inovação pede ainda mais atenção com a segurança cibernética.

Por isso, hoje vou revelar alguns cuidados que podem garantir que a tarefa seja realizada de forma mais segura.

Então, se deseja saber mais, continue a leitura e fique por dentro do assunto!

As vantagens do acesso remoto

Como você sabe, o acesso remoto dá ao usuário autorizado, a capacidade de acessar um dispositivo por meio de uma conexão na rede. Aliás, alguns profissionais de serviços de TI, estabelecem este acesso através de um protocolo de comunicação da Microsoft.

Mas, agora, quero falar sobre os benefícios da prática para o seu dia a dia como MSP.

De fato, a possibilidade de acessar remotamente sistemas e dispositivos é muito vantajosa.

Afinal, com esta forma de trabalho, você pode agilizar os atendimentos e melhorar a dinâmica do seu negócio.

Ou seja, é possível conquistar mais rapidez e eficiência nas tarefas diárias, aperfeiçoar o suporte e ter mais disponibilidade de tempo que seria gasto com deslocamentos, por exemplo.

Os maiores riscos do acesso remoto

Antes de revelar como melhorar a segurança do acesso remoto, quero destacar alguns perigos da prática.

Para começar, é importante que você saiba que o protocolo de acesso remoto desenvolvido pela Microsoft é vulnerável. Ele deixa uma porta de escuta aberta na máquina de destino, para estabelecer a conexão, e isso pode ser explorado pelos hackers, que infelizmente estão cientes deste ponto fraco.

Entre os tipos de ataques mais comuns explorados no acesso remoto, estão:

  • Coleta de credenciais: o hacker captura e vende credenciais retiradas de sessões remotas;
  • Ataques de força bruta: quando o criminoso escaneia os endereços de IP, procura uma porta aberta usada pelo acesso remoto e tenta forçar a entrada adivinhando a senha;
  • Ataque man-in -the-middle: quando o hacker intercepta as comunicações entre o cliente e o servidor usando técnicas de falsificação, para tentar implantar ransomware ou malware.

Conforme mencionei no início do texto, o acesso remoto é uma inovação capaz de transformar positivamente a sua rotina de trabalho.

Mas, infelizmente, mesmo com tantas vantagens, o método pode introduzir algumas vulnerabilidades que acabam expondo os dados dos clientes às ameaças cibernéticas que não param de crescer.

No entanto, para manter as informações seguras durante as conexões remotas, separamos algumas práticas que você deve considerar a partir de agora. Veja:

Use tecnologia compatível com FIPS-140-2

Se você deseja proteger o acesso remoto e preservar suas informações e os dados dos seus clientes, o recomendado é utilizar recursos compatíveis com a Federal Information Processing Standard (FIPS). Trata-se de uma coleção de padrões de segurança estabelecidos pelo Instituto Nacional de Padrões de Tecnologia (NIST).

O FIPS-140-2, é uma referência mundial na validação da eficácia de hardwares criptográficos e ajuda os MSPs a entenderem como proteger os dados dos clientes.

Então, qualquer produto que tenha esta certificação é totalmente testado e validado.

Portanto, conte com soluções que atendam o requisito e garanta que o seu acesso remoto seja mais seguro.

Aproveite os protocolos de criptografia

Para aumentar a segurança do acesso remoto, utilize softwares com protocolos de criptografia robustos. Pois, o recurso usa cálculos matemáticos para transformar dados em códigos que embaralham as informações confidenciais e garantem que os dados originais sejam decodificados somente com a chave correta.

Desse modo, apenas usuários com a chave conseguem ter acesso autorizado.

Procure ferramentas com ECDH

Por fim, entre as dicas para reforçar a segurança do acesso remoto da sua empresa, indico que você busque ferramentas usando o protocolo Elliptic Curve Diffie Hellman (ECDH).

Afinal, este é um dos tipos mais poderosos de criptografia e é extremamente útil para proteger o acesso remoto. Pois, é um protocolo de acordo de chave, que garante que os usuários se conectem com segurança, sem deixar uma porta aberta para trás.

Assim, o ECDH elimina a vulnerabilidade de porta aberta e dificulta o acesso dos hackers.

Uma solução para proteger o seu acesso remoto

Como você viu, algumas medidas são essenciais para melhorar a sua segurança remota. Mas, sem dúvida, a melhor maneira de implementar as práticas que listei, é utilizando uma solução poderosa.

Por isso, quero te apresentar o N-able Take Control, que incorpora as práticas de segurança mencionadas e reforça a proteção da sua rede do jeito que você precisa.

O software oferece suporte remoto simples e rápido e é projetado para dar a você o controle dos seus negócios, além de melhorar a eficácia dos técnicos e a experiência do usuário final.

Além disso, o sistema promove imensa flexibilidade para personalização e configuração de elementos.

Não deixe a sua segurança de lado e saiba mais sobre a ferramenta!

Fale com um especialista agora mesmo e tire todas as suas dúvidas clicando aqui!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Autor

Especialista em Marketing e Vendas para Empresas de TI e MSPs. Sou pai da Helenna e da Cecília, Comunicólogo, Marketeiro e Vendedor. Além de um profundo apaixonado por tecnologias e boas cervejas. Tenho mais de 10 anos de experiencia em vendas e gestão de pessoas, sendo os últimos 8 dedicados ao mercado de Tecnologia e Serviços de TI. Ao longo dos últimos anos, me especializei no mercado MSP e ajudei dezenas de empresas à redesenharem processos, seus serviços e suas ofertas. Atuo como líder dos times de Marketing, Eventos, Pré-vendas e Vendas da ADDEE, trabalhando para transformar Empresas de Suporte em verdadeiros MSPs!

Luís Montanari

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade



Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.