Gerência de Projetos

Ξ Deixe um comentário

Por que resistimos à Gestão de Projetos?

publicado por Roberto Pepi

Figura - Por que resistimos à Gestão de Projetos?A gestão de projetos é uma área de conhecimento relativamente nova, se levarmos em consideração outras áreas, como a matemática, por exemplo. Entretanto, este tema começou a ser analisado e discutido em meados do século XIX. Com a evolução do tema, a metodologia começou a se solidificar, principalmente com a aplicação de digramas de Gantt (1861-1919) na construção de navios durante a segunda guerra mundial.

A partir dos anos 90, as metodologias de gerenciamento de projetos já estavam bem disseminadas no mundo empresarial, faltando apenas que fossem introduzidas nas empresas, buscando a melhoria de seus processos, o aumento de qualidade dos seus produtos e por consequência, o aumento dos lucros.

O grande problema é o momento atual: Os projetos estão cada vez mais complexos, demandando um envolvimento maior de pessoas de diversas áreas, com personalidades e necessidades distintas, muitas vezes em áreas geográficas diferentes. Mesmo com todos estes fatores, muitas vezes nos deparamos com a execução de projetos praticamente desenfreada, utilizando processos fracos, sem engajamento dos envolvidos, muitas vezes resultando em aumento de custos, prazo e insatisfação dos stakeholders.

Muitas vezes, a empresa não tem como foco, a implantação de metodologias de gerenciamento de projetos, o que realmente dificulta a execução de um projeto utilizando as melhores práticas, contudo, o pior cenário é o que a empresa investe no desenvolvimento de metodologias de gerenciamento de projeto, porém as pessoas ou não são treinadas adequadamente ou simplesmente não utilizam as utilizam.

A falta de treinamento especializado é um dos principais fatores que justificam a não utilização de metodologias de gerenciamento de projetos, seja treinamento na metodologia em si, seja em processos específicos da empresa, seja nas ferramentas utilizadas como apoio do gerente de projetos.

Além de treinamento, existe outro grande fator, que é atribuir a uma pessoa que não possui habilidade de gestão de projetos, o papel de gerente de projetos. Independente do treinamento na metodologia, o gerente de projetos necessita de conhecimentos mais sólidos para garantir o controle do projeto. De uma maneira bem simplista, o gerente de projetos deve conseguir atuar utilizando qualquer metodologia de gerenciamento de projetos, bastando apenas se adequar à metodologia utilizada.

Outros fatores que contribuem para o cenário de resistência à gestão de projetos: Concorrência de atividades do projeto com atividades de gestão, falta de habilidades básicas de gerenciamento de projetos, processos mal definidos, burocracia versus tempestividade do projeto, ferramentas de suporte defasadas, etc.

A responsabilidade de empregar gerentes de projetos capacitados para suas equipes é da empresa. Esta responsabilidade pode ser comparada à do gerente de projetos em relação à formação da sua equipe, porém não adianta apenas cobrar da empresa ou esperar que ela resolva os problemas de gestão de projetos. Cada um é responsável por melhorar os processos já existentes ou propor novos fluxos, novas diretrizes e novas soluções de gerenciamento de projetos, visando o ganho comum: sucesso nos projetos.

[Crédito da Imagem: Gestão de Projetos – ShutterStock]

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Especialista em Gerenciamento de Projetos utilizando as melhores práticas do PMBOK. ESpecialista em desenho de processos de gestão e governança de TI. Linkedin: http://br.linkedin.com/pub/roberto-pepi-pmp/25/b/420

Roberto Pepi

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.