Carreira

Ξ 1 comentário

Você está no jogo?

publicado por Sidnei Oliveira

Nos últimos anos, tenho observado o comportamento de jovens que estão se movimentando para ingressar no mercado de trabalho. Não é difícil encontrar aqueles que têm uma excelente formação acadêmica, resultante, principalmente, de privilégios conquistados por seus pais. Claro que isso não desqualifica o potencial desse profissional. Na verdade, creio que até aumenta a responsabilidade e a pressão para que ele seja merecedor de tais benefícios.

Também tenho encontrado jovens que, apesar de não usufruírem de tantos privilégios, buscam sua formação ingressando no mercado de trabalho mais cedo, realizando trabalhos operacionais que não exigem necessariamente uma formação superior. Para esses jovens, muitas vezes, conquistar uma posição de destaque em uma grande empresa é um sonho distante e quase inatingível. Os melhores indicadores disso estão nos processos de seleção de trainees promovidos por grandes empresas, nos quais é possível identificar até 3.000 candidatos disputando uma única vaga.

Esse cenário se torna mais complexo quando adicionamos a competitividade global, principalmente por conta dos altos índices de desemprego de jovens na Europa, além, é claro, do aumento significativo na expectativa de vida, que faz com que os profissionais veteranos demorem mais para sair do mercado de trabalho.

Realmente é um contexto bastante desafiador para o jovem. Contudo, mesmo com todos esses desafios, tenho encontrado, sistematicamente, jovens que concentram suas energias na busca do EMPREGO IDEAL. Aquele que irá trazer satisfação pessoal através de um ambiente flexível, com gente bacana e descolada, com atividades desafiadoras e estimulantes, contemplado por benefícios e salários diferenciados e, evidentemente, com um plano de carreira curto e de ascensão rápida. Quando, eventualmente, ele entra em uma empresa e não encontra todos os fatores de acordo com suas expectativas, sua opção tem sido a de se desligar do emprego e buscar um lugar melhor para trabalhar – sempre sob o argumento de estar “buscando novos desafios”.

Essa busca utópica por “fazer o que gosta no emprego ideal” tem levado vários jovens a não perceber que o mercado profissional é regido por uma palavra simples – TRABALHO – e não há qualquer empresa que tenha o propósito de reconhecer e recompensar um profissional antes que ele tenha participado do jogo e mostrado seu valor com trabalho.
Ou seja, manter uma postura altiva, buscando a compensação pelos esforços que empreendeu é válido, desde que tenha apresentado resultados e que sua experiência seja fundamental para o negócio da empresa.

O jovem sabe que sua curta trajetória de vida não permite, inicialmente, uma valorização de sua experiência, por isso, seu maior desafio é entender que os resultados somente podem ser apresentados por quem está jogando, assim, creio que seria melhor o jovem concentrar suas energias em “entrar no jogo”, e não em escolher qual o melhor jogo para participar. Afinal, enquanto ele está selecionando a melhor empresa para trabalhar, os processos nas companhias também ficam cada vez mais seletivos, desse modo, a única coisa que ele consegue é ficar “fora do jogo”.

Deixo uma pergunta: você realmente está preparado para entrar no jogo?

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

SIDNEI OLIVEIRA – MINI CV Consultor, Autor e Palestrante, expert em Conflitos de Gerações, Geração Y e Z, desenvolvimento de Jovens Talentos e Redes Sociais, tendo desenvolvido soluções em programas educacionais e comportamentais para mais de 35 mil profissionais em empresas como Vale do Rio Doce, Petrobras, Gerdau, Santander, TAM, Unimed entre outras. Formado em Marketing e Administração de Empresas, autor de vários livros sobre Liderança e Administração. É sócio-fundador da Kantu Educação Executiva, Vice-presidente do Instituto Atlantis de preservação ambiental e membro do conselho de administração da Creditem Cartões de Crédito e e do Fórum de Líderes Empresariais. É também colunista com artigos publicados nos portais Exame.com, Catho Online, Click Carreira, Café Brasil e InformationWeek Brasil

Sidnei Oliveira

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes