Cloud Computing

Ξ 1 comentário

Cinco razões para o PaaS explodir em 2014

publicado por Lázaro Pinheiro

Cinco razões para o PaaS explodir em 2014A evolução do mercado de Cloud Computing não é um fato isolado. Ela vem acompanhada do crescimento de outros serviços que, agregados à nuvem, vem sendo cada vez mais demandados. De acordo com o Gartner, até 2016, as empresas executarão alguns ou todos os seus softwares de negócios em Plataforma como Serviço (PaaS), públicas ou privadas, o que gerará um investimento potencial de até US$ 2,9 bilhões.  Para os analistas que avaliam o mercado de TI, o aumento da adoção do PaaS será expressivo já neste ano.

Esta expectativa está ligada ao atual cenário do mercado, que  exige das empresas de tecnologia uma corrida contra o tempo. A evolução e inovação no mercado de TI é espantosa, principalmente quando se trata da busca por mais eficiência e menores custos. Isso obriga as empresas a terem uma velocidade e eficiência cada vez maiores para projetar, desenvolver, implementar e gerenciar seu portfólio de produtos e serviços.

Já é claro para muitos que as ofertas de PaaS facilitam a implantação de aplicações sem o custo e a complexidade de comprar e gerenciar uma ampla gama de software e hardwares.  No entanto, os benefícios reais vão além da facilidade de implementação e custos reduzidos. O PaaS pode realmente melhorar o processo global de desenvolvimento de soluções. Diante deste cenário, é possível listar, pelo menos, cinco motivos para explicar a explosão da plataforma como serviço em 2014.

  1. Acesso mais rápido à infraestrutura
    O tempo para construção e implantação de aplicações empresariais em um ambiente tecnológico desprovido de PaaS pode demorar até três meses, o que atrasa o retorno sobre o investimento (ROI) e reduz a agilidade tão necessária para os negócios.  Já é provado que o PaaS é o caminho mais rápido para o desenvolvimento e implementação de aplicações corporativas, permitindo que as empresas obtenham resultados em dias.
  2. Maior escalabilidade
    Muitas vezes, em um data center tradicional não é simples a tarefa de configurar a  escalabilidade física (computação, armazenamento e memória)  e a  escalabilidade lógica (balanceadores de carga, bancos de dados, middleware e front-end). A plataforma como serviço automatiza e acelera esse processo para permitir a elasticidade real e a garantia de escalabilidade.
  3. Aumento de velocidade
    As soluções PaaS podem eliminar as preocupações mais comuns em relação a controle de versões de software, feedback de captura e instrumentação de desempenho. Isso permite que desenvolvedores e gestores, juntamente com a tecnologia, solucionem as demandas com qualidade em um curto espaço de tempo;.
  4. 4. Maior disponibilidade
    A nuvem dá aos desenvolvedores facilidade para criar soluções com alta disponibilidade, diferente de algumas soluções tradicionais que são muito mais difíceis de se implementar. O PaaS é a maneira ideal para desenvolvedores de aplicativos atenderem a novos serviços e solicitações de mudança do negócio, sem aumentar os custos do projeto.
  5. Valorização do tempo
    om a automação confiável em muitas soluções de PaaS membros da equipe de TI são liberados de tarefas demoradas, permitindo que se concentrem em atividades de alto valor. Desenvolvedores, livres de tarefas cansativas, podem ficar mais motivados, criativos e rápidos.

Diante destas vantagens, não há dúvida de que faz cada vez mais sentido para as empresas considerarem a utilização do PaaS para gerar eficiência aos seus negócios.

[Crédito da Imagem: PaaS – ShutterStock]

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Lázaro Pinheiro é executivo sênior de TI com mais de 18 anos de experiência profissional, dos quais 17 anos foram dedicados a TI na área de saúde e na área de negócios. Foi responsável pelas áreas de produtos e serviços da WPD Tecnologia por 5 anos e atuou como diretor comercial por 12 anos, sempre focado em tecnologia e soluções. Atualmente é CEO da OutSystems Brasil.

Lázaro Pinheiro

Comentários

1 Comment

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes