Tecnologia

Ξ Deixe um comentário

Os pilares de um datacenter moderno

publicado por Marcio Sanchiro

Figura - Os pilares de um datacenter modernoPara desempenhar todo o potencial de uma empresa digital, as organizações de TI precisam modernizar, automatizar sua infraestrutura e transformar a operação de seu datacenter em um ambiente de nuvem que conte com autoatendimento.

Mas que infraestrutura deve servir de base para esse novo ambiente de nuvem?

A má notícia é que a jornada para o universo digital quebra com todas as infraestruturas tradicionais que estão em uso nos últimos 15 ou 20 anos. A boa notícia é que uma rápida mudança pode capacitar as empresas a otimizarem a TI existente e os investimentos anteriores, a fim de liberar recursos da próxima geração de TI que transformarão os negócios. Vemos essas novas tecnologias como pilares do datacenter moderno.

Então, quais são os pilares do datacenter moderno?

Os meios de armazenamento estão mudando. O Flash – ou, em última análise, seu conceito de memória persistente – será o veículo dominante para armazenar dados. Por quê? Porque possibilita o desempenho exigido pelos aplicativos de última geração e, ao mesmo tempo, fornece aos aplicativos tradicionais um desempenho melhor e com mais economia do que o oferecido pelo disco.

A arquitetura de muitos dos sistemas do datacenter moderno será em scale-out (crescimento horizontal) por natureza. Essa plataforma é necessária porque todas as empresas lidarão com clientes que gerarão um volume de dados, em ordem de grandeza, três vezes maior. O scale-out permite que a TI gerencie com eficiência enormes volumes com poucos recursos, de uma forma que os sistemas de scale-up (crescimento vertical) não conseguem.

Muitas organizações vão abraçar a ideia de implantar um datacenter definido por software. Mesmo em um hardware comum, um produto definido por software oferece a economia necessária para trabalhar com enormes volumes de dados. Desta forma, os clientes terão mil vezes mais dados, mas não terão um orçamento mil vezes maior.

O novo modelo definido por software também automatiza a configuração e implementação dos serviços de TI, proporcionando mais agilidade à empresa e uma abordagem mais rápida e flexível para gerir os serviços de dados.

Também é crucial que a infraestrutura do datacenter tradicional seja habilitada para nuvem. Por quê? Para que um datacenter instalado na empresa possa tirar proveito da mesma economia de escala da nuvem pública.

Todos esses pilares são integrados a um sólido alicerce de confiança, o que significa que eles precisam ser seguros, altamente disponíveis e com um suporte de nível mundial, pois, no final das contas, este também será o fundamento da marca de cada empresa, uma vez que os negócios  inevitavelmente se tornarão on-line.

Se uma empresa quer funcionar com a agilidade, a velocidade e a eficiência exigidas pela era digital, sua organização de TI precisa ter um datacenter baseado em tecnologias que estejam à altura dessa missão.

Sobre a EMC

A EMC Corporation é líder global na capacitação de provedores de serviços e empresas em geral no sentido de transformar suas operações e oferecer TI como serviço. A computação em nuvem é essencial para essa transformação. Com produtos e serviços inovadores, a EMC acelera a jornada rumo à computação em nuvem, ajudando os departamentos de TI a armazenar, gerenciar, proteger e analisar seu bem mais valioso — a informação — com mais rapidez, confiabilidade e economia.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Marcio Sanchiro é gerente sênior especialista de Cloud, Storage & Application para o Brasil & SOLA da EMC

Marcio Sanchiro

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes