Gestão de Pessoas

Ξ Deixe um comentário

Conflito de gerações nas organizações

publicado por Cricia Silva

Figura - Conflito de gerações nas organizaçõesUm dos maiores desafios das organizações atualmente é gerir os conflitos causados por conta das diferentes gerações existentes em um único ambiente de trabalho. Estes conflitos ocorrem pois, cada geração possui suas particularidades, crenças,valores, prioridades e principalmente a uma forma própria de se relacionar diariamente em seu local de trabalho. A grande dificuldade é diminuir os conflitos, é aproveitar cada vantagem das características principais que estes possuem e usá-las para benefício da organização. Mas como tornar isto uma realidade em meio a tantas diferenças em idades e atitudes?

Segundo um recente estudo da ASTD Workforce Development, feito em parceria com a VitalSmart, de 1.348 pesquisados, um em cada três (35,39%) admite que sua companhia gasta pelo menos cinco horas de trabalho por semana em conflitos entre gerações — o que representa uma perda de produtividade de cerca 12%. E a situação se agrava já que a maioria esmagadora dos respondentes (91%) dizem que suas companhias empregam funcionários de pelo menos três gerações diferentes. Mas, ao mesmo tempo, 79,99% deles afirmam que suas empresas não têm um programa ou estratégia definidos para lidar com as diferenças de idade da equipe.

Os conflitos de relacionamentos é uma realidade presente em diversas empresas e infelizmente elas não estão preparadas para lidar com as diversas reclamações. Existem várias queixas referentes a falta de experiência anterior, a resistência e a falta de votade para inovar, a falta de respeito, a falta de disciplina e de foco. Elas são apenas algumas de várias outras que surgem diariamente.A presença de diferentes gerações nas organizações apresenta ambiguidades, por um lado é excelente pois, há diversidade, integração e vivência de difentes perspectivas, no entanto, por outro lado proporciona estes desequilibrios e conflitos.

Por isso, o mais ideal é que a empresa esteja preparada e atenta ao gerenciamento interno, além disso, é preciso que a empresa proporcione formas de interação e conscientização para a importâcia de respeito mútuo. Dessa forma, é necessário que a liderança da empresa proporcione um diálogo eficiente entre as diferentes gerações, afim de estabelecer uma cultura em que as diferenças sejam respeitas e valorizada. Infelizmente não é um trabalho fácil para as organizações, mas esta é a única forma de aproveitar o potencial humano para alcançar os objetivos organizacionais.

E esta responsabilidade não é apenas da organização. Nós profissionais que buscamos o crescimento, aprendizado e boa remuneração precisamos estar prontos para lidar com os desafios diários dentro do local de trabalho, e entre eles está o de compreender o outro e respeitar suas crenças, ideologias e valores. A melhor forma de ter um ambiente de trabalho colaborativo e produtivo é que cada profissional vá além de suas competências técnicas exerça também suas competências comportamentais e saiba lidar com os conflitos de uma forma madura.

[Crédito da Imagem: Conflito entre gerações – ShutterStock]

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Estudante de Gestão em Tecnologia da Informação na FATEC Dom Amaury Castanho em Itu. Atualmente sou Estagiária em Desenvolvimento de Software e Análise de processos e negócios - BPM na FATEC de Sorocaba.

Cricia Silva

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.