Desenvolvimento

Ξ Deixe um comentário

Acompanhamento de Projetos – do gerenciamento à medição

publicado por Setembrino Lusa

Atualmente, a agilidade no desenvolvimento de projetos é imprescindível para que o dueto custo/prazo não elimine o ideal de entrega do produto ao cliente. Muitas metodologias tem surgido com o intuito de, com o mínimo de burocracia possível, atingir os objetivos diários de desenvolvimento e acompanhamento dos projetos, inclusive o mais altruísta e empírico deles, o “parede/post-it” cujas discussões em fóruns e adoção da técnica tem sido amplos e cada vez mais difundidas.

Tem-se neste cenário um ótimo exemplo de eliminação de burocracia e “papelada” desnecessárias ao dia-a-dia de qualquer projeto. Contudo, cria-se uma falsa sensação de controle, que culmina na frustração que uma das mais duras perguntas no “mundo dos projetos” nos faz:
“Qual o prazo/esforço necessários para a entrega desta tarefa?”.

Sentimo-nos como uma criança no primeiro dia de aula.

Mesmo depois de muitos projetos finalizados, uma vasta experiência em gerenciamento de projetos, arquitetura, gestão de pessoas, etc. nunca saberíamos responder a tal pergunta.
Porque?

Porque não temos base histórica real para definirmos uma média de prazo/esforço da organização em projetos similares. Não temos como saber que profissionais buscar no mercado, nem mesmo se é necessário buscar, ou a organização já os tem. Nem mesmo se a organização tem a capacidade de finalizar o projeto “um dia”.

Quando pensamos em metodologias ágeis, jamais devemos imaginar que uma delas pode resolver todos os problemas já conhecidos em desenvolvimento de projetos apenas eliminando a burocracia. Qualquer coisa em excesso é prejudicial, inclusive a total eliminação da burocracia. Pensando desta maneira, devemos sim, buscar algo que apóie o acompanhamento de forma a fornecer dados, informações e maneiras de buscar medições, médias e criticidade em cada etapa de cada projeto já finalizado, para que tenhamos a capacidade de julgarmos mais acertadamente os projetos futuros e não termos surpresas.

Muitas formas de se conseguir estes dados estão disponíveis, a utilização de planilhas para o cálculo de horas, pessoas, tarefas, custos; a utilização de ferramentas gratuitas de acompanhamento de projetos, incluindo uma das ferramentas de maior visibilidade e em franco crescimento em corporações de médio e grande porte no mundo todo, o Rational Team Concert da IBM, cujo lançamento oficial da versão 3.0.1 aconteceu no dia 14 de Junho de 2011, que pode ser baixada no site www.jazz.net e instalada em apenas alguns minutos, contando ainda com 10 licenças gratuitas para utilização comercial por qualquer empresa.

O IBM RTC 3.0.1 já é utilizado em grande escala em grandes corporações e atente totalmente às mais diversas metodologias ágeis, além de outras, como o RUP clássico, e sendo gratuita até 10 desenvolvedores, pode ser uma alternativa muito interessante ao “parede/post-it”, fornecendo muitas informações estatísticas para levantamentos futuros.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Com mais de 15 anos de vivência em Engenharia de Software, atuando desde o levantamento de necessidades até a finalização, entrega e manutenção de sistemas, consultorias, treinamentos e principalmente na melhoria contínua de processos e metodologias de produção de Soluções Computacionais. Graduado em Análise e Desenvolvimento de Software pela UNOPAR www.unopar.br de Londrina no Paraná. Pós Graduado em Engenharia de Software pela Unifil www.unifil.br também de Londrina no Paraná. Com grande experiência em Implantação, Consultoria e Treinamentos relacionados às IBM Rational em diversos segmentos com as metodologias Formal e Ágil. Forte atuação em projetos de Melhoria de Processos e Implantação em ALM - Ciclo de Vida de Aplicações, tendo atuado em diversas organizações por todo o Brasil, em ambos os setores privado e público. Publicação de um livro sobre Métricas em Projetos de Softwares que desmistifica a utilização das diversas técnicas e aponta as possíveis melhores abordagens de quando e porquê utilizar cada técnica durante as etapas de um Projeto de Software a fim de alcançar o maior resultado com o menor esforço em cada medição e conferência. (https://www.facebook.com/MetricasEmProjetosDeSoftware) Certificações IBM Certified Solution Designer - Rational Performance Tester - RPT IBM Certified Solution Designer - Rational Functional Tester for Java - RFT IBM Certified Solution Designer - RUP IBM Certified Deployment Professional - RPM IBM Certified Associate Developer - Rational Application Developer for WebSphere Software V6.0 - RAD Sun Certified Programmer for the Java 2 Platform, Standard Edition 5.0 - SCJP

Setembrino Lusa

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.