Posts by Tag: redes»

Redes & Telecom

O que é Fibra Otica

O que é Fibra Otica

posted by Eduardo Afonso

A fibra ótica é um pedaço de vidro ou de materiais poliméricos que transmite luz. Tal filamento apresenta diâmetros variáveis, dependendo da aplicação.

Direito & Tecnologia

Conspirações nas Redes

Conspirações nas Redes

posted by L.Midas

Não sou adepto de teorias conspiratórias, pelo contrário, desconfio de todas. Kennedy? Lee Oswald matou, sozinho. Tancredo Neves?

Cloud Computing

Na Suécia, o futuro já chegou. Viva o passado!

Na Suécia, o futuro já chegou. Viva o passado!

posted by L.Midas

Estou ficando velho. Lembro-me da época em que a internet chegou ao Brasil e pipocaram as chamadas “Provedoras de Internet”. A gente usava o (caríssimo) modem de 9600, tinha até uma trilha sonora ao fundo (tchííí, tchóóó, tzúúú e tudo ficava silencioso e a gente estava então, na tal internet). De lá prá cá, as operadoras, que naquela época ficavam a ver navios (pera aí, quer dizer que as tais provedoras de internet, em si, já naquela época eram as OTT “over the top players” de hoje em dia???) tomaram as rédeas desse negócio e passaram a controlar o acesso do usuário à internet. De quebra, ainda inventaram o triple/quadruple play. Uma única conta e toma-lhe o acesso à internet, telefonia fixa e móvel e TV.

No meio tempo, as empresas de TV a cabo e satélite também colocaram suas manguinhas de fora e estenderam sua tecnologia de forma a também poderem prover o tal do triple/quadruple play. Com uma significante diferença: Enquanto as operadoras de telecomunicações geralmente têm a obrigação legal de prover acesso para empresas competidoras (O chamado LLU – Local Loop Unbundling), no caso das empresas de TV à cabo ( por serem “locais” e não terem monopólio) o mesmo não ocorre na maioria dos casos.

De qualquer forma, o ponto da história é que as operadoras, sejam elas originalmente TV ou telefonia, lograram cooptar o usuário provendo-o dos quatro serviços ao mesmo tempo em que se esforçaram ao máximo para tentar evitar que concorrentes tivessem acesso à infraestrutura (de uma maneira ou de outra, porque mesmo no caso das próprias telcos a lei geralmente não aplica à serviços que não a telefonia propriamente dita). Em conclusão, meu apartamento aqui na Suécia tinha TV a cabo da empresa ComHem (via cabo coaxial). Era impossível eu assinar a concorrente Boxer ou a Canal Digital simplesmente porque meu prédio era servido pela ComHem e ponto final. Quisesse assinar Boxer eu teria de me mudar para outro prédio em uma outra área servida pela Boxer e assim por diante….

Redes & Telecom

Cabeamento Estruturado – Categorias de Cabeamento

Cabeamento Estruturado – Categorias de Cabeamento

posted by Eduardo Afonso

Existem cabos de cat 1 até cat 7. Como os cabos cat 5 são suficientes tanto para redes de 100 quanto de 1000 megabits, eles são os mais comuns e mais baratos, mas os cabos cat 6 e cat 6a estão se popularizando e devem substituí-los ao longo dos próximos anos.

Redes & Telecom

Critérios para tomar decisões sobre infra-estrutura de redes

Critérios para tomar decisões sobre infra-estrutura de redes

posted by Marcos de Araujo

Sob qualquer prisma, um gestor de TI hoje precisa estar alinhado com as unidades de negócios da empresa em que trabalha, partilhando da estratégia, metas e objetivos da corporação para curto, médio e longo prazo.

Redes & Telecom

IPV6 – A salvação da web?

IPV6 – A salvação da web?

posted by Vicente Lucas Seabra Zotti

Quando cursei a pós-graduação em redes, senti falta de um tópico que vem causando alvoroço na comunidade de Infra-estrutura, IPV6.

Redes & Telecom

Protocolo M.P.L.S.

Protocolo M.P.L.S.

posted by Eduardo Afonso

O MPLS é um protocolo de transporte de dados pertencente à família das comutação de pacotes, padronizado pelo IETF.

Redes & Telecom

O fim do IPv4

O fim do IPv4

posted by Eduardo Marques

É isso mesmo meus amigos, o IPv4 acabou. Os últimos lotes de endereços IPv4 foram distribuidos em Fevereiro pela IANA. E agora? O que significa isso?

Gerência de Projetos

TIC: risco maior é da porta para dentro

TIC: risco maior é da porta para dentro

posted by Anderson Ortiz

Breve análise da pirâmide com camadas de TIC revela que há risco iminente na infraestrutura de TIC dentro das organizações.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes