Carreira

Ξ Deixe um comentário

O impacto das novas certificações do PMI nos PMPs

publicado por Eliel Genilhu

Introdução

O Objetivo deste artigo e esclarecer dúvidas sobre as diversar certificações oferecidas pelo PMI e seus impactos positivos e negativos. Juntamente fazer um paralelo do impacto destas certificações na economia global e brasileira.

CAPM® (Certified Associate in Project Management)

A certificação CAPM foi criada com o objetivo de viabilizar a certificação de membros de equipe e gerentes de projeto e até estudantes (2º Grau Completo) que estão iniciando nas carreiras de Gerenciamento de Projetos. Esta certificação tem como objetivo beneficiar profissionais de todas as áreas, pois demonstra o interesse do profissional no ganho de conhecimentos em processos e terminologias de gerenciamento de projeto.

Pré-requisitos:

  • Ter pelo menos o 2º grau completo;
  • Experiência mínima de 1500 horas como membro de equipe de projeto ou ter participado de pelo menos 23 horas de treinamento formal em gerenciamento de projetos.
  • Conhecer (ler) o PMBOK

PMP® (Project Management Professional)

A certficação PMP foi criada em 1984 e consiste na certificação da qualidade profissional individual promovida pelo PMI® e reconhecida em todo o mundo, tanto no que diz respeito ao conhecimento quanto à experiência necessária ao bom desempenho da missão de gerenciar projetos.

Pré-requisitos:
Os candidatos devem atender aos requisitos educacionais e de experiência separados em duas categorias.
Categoria 1

  • Portadores de diploma de nível superior (4 anos)
  • Mínimo de 4.500 horas de experiência na área de gerenciamento de projetos.
  • Mínimo de 3 anos de experiência na área de gerenciamento de projetos dentro de um período de até 8 anos anteriores à submissão da inscrição para obter a autorização para fazer o exame de certificação.
  • Devem ser indicados no mínimo 36 meses (sem sobreposição) de experiência na área de gerenciamento de projetos.
  • Comprovação de pelo menos 35 horas/aula de treinamento formal em gerenciamento de projetos.

Categoria 2

  • Portadores de diploma de nível secundário
  • Mínimo de 7.500 horas de experiência na área de gerenciamento de projetos.
  • Mínimo de 5 anos de experiência na área de gerenciamento de projetos dentro de um período de até 8 anos anteriores à submissão da inscrição para obter a autorização para fazer o exame de certificação.
  • Devem ser indicados no mínimo 60 meses (sem sobreposição) de experiência na área de gerenciamento de projetos.
  • Comprovação de pelo menos 35 horas/aula de treinamento formal em gerenciamento de projetos.

PgMP® (Program Management Professional)
A certificação PgMP foi lançada em 2007 é voltada para gerentes de programa, que na definição do PMI® é um grupo de projetos relacionados gerenciados de modo coordenado para a obtenção de benefícios e controle que não estariam disponíveis se eles fossem gerenciados individualmente. Programas podem incluir elementos de trabalho relacionados fora do escopo dos projetos distintos no programa.

Pré-requisitos:
Categoria 1
Ser graduado em qualquer curso de bacharelado ou equivalente e se nos últimos 15 anos tiver:

  • quatro anos (6.000 horas) de experiência em gerenciamento de projetos e
  • quatro anos (6.000 horas) de experiência em gerenciamento de programas

Categoria 2
Não for graduado em um curso de bacharelado e se nos últimos 15 anos tiver:

  • quatro anos (6.000 horas) de experiência em gerenciamento de projetos e
  • sete anos (10.500 horas) de experiência em gerenciamento de programas

Processo de certificação:

  • Competence Evaluations 1: A avaliação inicial ocorrerá durante o processo de inscrição. Antes do candidato ser tornar elegível a prosseguir com a certificação, ele será amplamente avaliado por um quadro de gerentes de programas quanto à sua experiência profissional.
  • Competence Evaluation 2: O próximo passo na avaliação ocorrerá com um exame de múltipla escolha no qual o candidato será solicitado a demonstrar sua habiliadde em aplicar seu conhecimento em questões baseadas em cenários situacionais.
  • Multi-rater Assesment (MRA): O último passo será uma avaliação 360 graus onde uma equipe de avaliadores irão verificar as suas habilidades em tarefas pertinentes ao gerenciamento de programas. Você preencherá uma auto-avaliação e deverá indicar 12 pessoas como referência para que eles o avaliem

PMI-ACP® (PMI Agile Certified Practitioner)

A certificação PMI-ACP foi lançada em Agosto de 2011, é uma certificação direcionada para os profissionais que utilizam metodologias de gerenciamento ágil em projetos, tais como SCRUM, Lean, Extreme Programming (XP), Crystal, Dynamic Systems Development Method (DSDM), Test-Driven Development (TDD), Feature Driven Development (FDD). Esta é uma resposta do PMI frente ao crescente interesse da comunidade internacional em relação às metodologias ágeis.

Pré-requisitos:

  • Educação secundária (ensino médio ou equivalente) ou superior
  • 2.000 horas de trabalho em projetos adquiridos nos últimos 5 anos *
  • 1.500 horas de trabalho em projetos – usando técnicas ágeis – adquiridos nos últimos 2 anos
  • 21 horas de treinamento em Gerenciamento Ágil de Projetos

* Certificados PMP ou PgMP são considerados automaticamente aprovados nesse critério.

 PMI-RMP® (PMI Risk Management Professional)

A certificação PMI-RMP específica para a área de riscos. Ela comprova a capacitação em termos de habilidades e conhecimentos dos profissionais credenciados para atuarem em projetos críticos, através da identificação e mapeamento de riscos, definição de respostas (mitigando ameaças e capitalizando oportunidades) e comunicando os riscos.

Pré-requisitos:
Nivel superior

  • 3000 horas de experiência na área específica de gerenciamento de riscos realizadas nos últimos cinco anos e 30 horas de educação formal na área de gerenciamento de riscos.

 Nível médio

  • 4500 horas de experiência na área específica de gerenciamento de riscos realizadas nos últimos cinco anos e 40 horas de educação formal na área de gerenciamento de riscos.

 PMI-SP® (PMI Scheduling Professional)
A certificação PMI-SP ou Scheduling Professional foi criada com o objetivo de validar a experiência e conhecimento inerente à programação e elaboração de cronogramas de projeto. Em decorrência dos projetos terem se mostrado maiores, mais complexos e mais diversos globalmente, o mercado sugere que risco e cronograma sejam tratados como aspectos chave de um projeto.

Pré-requisitos:
Nivel superior

  • 3500 horas de experiência na área específica de gerenciamento de cronogramas realizadas nos últimos cinco anos e 30 horas de educação formal na área de gerenciamento de cronogramas.

Nível médio

  • 5000 horas de experiência na área específica de gerenciamento de cronogramas realizadas nos últimos cinco anos e 40 horas de educação formal na área de gerenciamento de cronogramas.

Impactos positivos

Podemos observar que com as novas certificações a organização PMI acaba fazendo uma abrangência maior de sua atuação; principalmente especializando algumas das principais áreas de gestão de projetos. Isto é fortemente positivo pois além de divulgar ainda mais a instituição abre novas oportunidades de carreira e conhecimento.

Impactos negativos

O principal desafio do PMI deverá ser continuar a expandir e criar certificações especialistas em outras areas de gestão de projetos sem criar uma quebra de confiabilidade do mercado aos profissionais e certificações já existentes.

Futura demanda do mercado

Acredito que o mercado continuara requisitando profissionais certificados e cada vez mais com ótimos conhecimentos generalistas mais principalmente alguma especialização. Acredito que assuntos como Comunicação e Qualidade deverão ser assuntos que brevemente o PMI deverá lançar certificações já que o mercado naturalmente pedirá profissionais de projetos com alguma especialização nestas áreas.

No caso do Brasil, suas previsões

No Brasil não acredito ser muito diferente. Talves inicialmente com uma grande demanda de projetos nos próximos 8 anos, devido a eventos como Copa do mundo e Olimpíadas, e principalmente a pouca mão-de-obra qualificada o profissional de projetos certificado generalista terá grande espaço de atuação. Mais com o passar do tempo será natural a procura por especialistas em alguma área de projetos além da certificação PMP.

Conclusão 

Podemos concluir que a área de projetos esta em ampla expansão e que novas certificações trás varias novas oportunidades de mercado e carreiras. Que em breve estas certificações serão ainda mais ampliadas e que o mercado global e nacional naturalmente irar valorizar profissionais com certificação e alguma especialização em algumas das áreas de projeto.

O que vimos foi uma consolidação de um mercado “ generalista de projetos” e que tende cada vez mais buscar gerentes de projetos especialistas em alguma área de gestão de projetos.

Referências bibliográficas

PMI. Site do Project Managment Institute. 2011a. Disponível em: <http://www.pmi.org>. Acesso em: 26 jan. 2012.

PMI. Project Managment Professional. 2011b. Disponível em: <http://www.pmi.org/en/Certification/Project-Management-Professional-PMP.aspx>. Acesso em: 26 jan. 2012.

PMI Brasil. Site oficial. 2011. Disponível em:< http://www.pmimg.org.br/principal/tudo-sobre-certificacao/sobre/ >. Acesso em: 27 jan. 2011.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Mais de 15 anos de experiência em Tecnologia sendo metade como Gestor. Atualmente CIO e IT manager em uma industria Farmacêutica, Professor de pós-graduação nas universidades UNIBH e IETEC. Especialista em gerenciamento de projetos com MBA pela FGV. Certificados em ITIL e COBIT. Contatos: Twitter: @genilhu Email: leogenilhu@gmail.com Linkedin: http://www.linkedin.com/profile/view?id=52264155&trk=tab_pro Facebook: https://www.facebook.com/leogenilhu

Eliel Genilhu

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.