TI Corporativa

Ξ Deixe um comentário

Planejamento estratégico nas organizações

publicado por Wagner Luis Alves

Figura - Planejamento estratégicoO planejamento estratégico vem ganhando muito espaço nas organizações, e tem por finalidade alcançar objetivos previamente traçados com a máxima eficiência possível. Trata-se de análise de cenários futuros, visando a concentração de esforços no objetivo de tornar real a visão da organização. O planejamento estratégico não é algo simples de elaborar, são necessários esforços e colaboração de toda a equipe, identificando as melhores maneiras de execução de rotinas e procedimentos.

Para que ocorra a execução da estratégia é necessário que todas as pessoas que façam parte da organização estejam comprometidas, desde o presidente até a base da estrutura organizacional, fazendo com que haja intenso engajamento, consenso, conhecimentos, informação, estejam motivados, compromissados e liderança por parte de toda a cúpula da empresa (CHIAVENATO e SAPIRO, 2009).

Uma organização para ser bem sucedida, necessita de renovação diária, pois o mundo atual muda muito e é muito competitivo, todos os concorrentes e principalmente os clientes passam por transformações a cada momento.

A estratégia faz com que os fatos positivos e concretos façam com que os resultados da empresa melhorem, determinem aonde a empresa quer chegar, qual caminho ela quer seguir e de como a empresa vai ser no futuro e o que fazer para que isso aconteça, é definir os objetivos, através das oportunidades e seu aproveitamento, e das ameaças e sua neutralização (LEVY, 1992). De acordo com Chiavenato e Sapiro (2009), planejamento estratégico é um processo contínuo nas organizações, com uma percepção do futuro para tomada de decisões atuais que podem afetar os objetivos traçados, fazendo com que a organização reavalie as suas atividades e acompanhe os resultados e confronte com as expectativas. De acordo com Oliveira (2002), planejamento é um processo que tem por finalidade alcançar os objetivos desejados e que possam ser executados de uma maneira eficiente, usando o mínimo de recursos pela empresa. Nela o executivo é responsável pelo conjunto de providências a serem tomadas acerca do futuro, para que os resultados sejam bem diferentes do passado.

Para se consolidar no mercado, uma organização tem que ter métricas consistentes e forte análise de mercado, olhando para o futuro, antecipando-se às mudanças, tanto no ambiente interno, principalmente no ambiente externo, sendo necessário investimento em planejamento estratégico, pois as mudanças são constantes. De acordo com Chiavenato (1999), o administrador é a pessoa responsável pelo desenvolvimento da organização, é ele que obtém os resultados dos colaboradores da empresa, e suas funções, portanto são, planejar, organizar, dirigir pessoas, ele gere e controla os recursos financeiros, materiais, de tecnologia e informação visando à realização de determinados objetivos.

Todo administrador tem que agir como empresário, seja ele dono da empresa ou não, ele tem que buscar o resultado econômico não esquecendo a satisfação do seu time, contribuindo para o bem estar e a cultura da organização, seu maior desafio está no quesito econômico, pois toda organização depende basicamente dos lucros para sua sobrevivência.

O planejamento estratégico é de vital importância para o alcance dos objetivos, dado que o desempenho das organizações que planejam adequadamente o seu negócio é superior àquelas que não planejam, pois com a percepção do futuro acerca da tomada de decisão e objetivos traçados, a organizações acompanham os seus resultados e os confrontam com as expectativas criadas.

Existem empreendedores que acham que são autodidatas, ou que não precisam de informações e preparo, com isso ocorrem as maiores dificuldades devido à falta de conhecimento, principalmente em gestão de pessoas, fluxo de caixa e como administrar seu negócio, e é nesse grupo de empreendedores onde ocorre o maior índice falência, justificadas principalmente pela falta de planejamento estratégico.

A organização que se planeja, tendo como base a visão estratégica, define ações a serem tomadas e com isso alcança os objetivos desejados de maneira eficiente, com o mínimo de recursos necessários fazendo com que haja o engajamento de toda organização em busca do mesmo objetivo, tornando o processo estratégico contínuo. A sobrevivência e eficácia da organização estão condicionadas ao fato da antecipação às mudanças que possam ocorrer, coletando e antecipando informações quanto ao ambiente interno e externo, fazendo com que tenha que investir no planejamento estratégico.

As empresas correm riscos devido aos grandes impactos causados por pressões ou mudanças de legislação do governo ou do próprio sistema socioeconômico. Neste contexto, o novo conceito de gestão, faz com que o planejamento tenha dificuldade de atingir seus propósitos e conceitos para toda a organização, e que os colaboradores tenham o compromisso com a empresa, colaborando com o planejamento e desenvolvimento da organização.

O planejamento estratégico é um processo que deve envolver a empresa como um todo. Quando a informação não chega com clareza a todas as pessoas da organização, ocorre à falta de consenso entre os executivos e as equipes, onde cada um terá uma interpretação diferente, fazendo com que os objetivos não sejam alcançados.

 

  •  
    6
    Shares
  • 6
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Com 22 anos atuando na área de TI, Especialista em Teleinformática & Redes de Computadores pela UTFPR(2007), Tecnólogo em Sistemas de Informação(Opet/2005), nascido em Araçatuba-SP, reside em Curitiba desde Janeiro de 2004, sempre atuando na área de TI em empresas privadas e pública.

Wagner Luis Alves

Comentários

You must be logged in to post a comment.

botão emergência ransomware (1)

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.