Desenvolvimento

Ξ 1 comentário

O universo paralelo em desenvolvimento de sistemas modularizados

publicado por José Henrique Bezerra Sento Sé

Pela Wikipédia: Universo paralelo ou realidade alternativa em ficção científica e fantasia é uma realidade auto-contida em separado, coexistindo com a nossa própria. Esta realidade em separado pode variar em tamanho de uma pequena região geográfica até um novo e completo universo, ou vários universos formando um multiverso. Embora os termos “universo paralelo” e “realidade alternativa” sejam geralmente sinônimos e possam ser intercambiáveis na maioria dos casos, há por vezes uma conotação implícita no termo “realidade alternativa” que implica que a realidade é uma variação da nossa própria. O termo “universo paralelo” é mais genérico, sem quaisquer conotações que impliquem uma relação (ou a falta dela) com o nosso universo.

Por que não levar este “mundo paralelo” na hora de escrever programas?

A idéia de universo paralelo em desenvolvimento de programas é muito útil e perfeitamente concebível, tendo em vista que ele permitirá uma série de benefícios, seguem alguns:

Pelo próprio programa, permitir que sejam feitas auditorias eficazes; será possível, por exemplo, saber exatamente quem executou uma determinada ação, e quando;

Ajudar a identificar os usuários que têm mais ou menos facilidade em interagir com o sistema, melhorando o tempo de realização de uma determinada tarefa. – Este tempo poderá ser medido facilmente (chamo de produtividade); desta forma, diretamente, poder-se-á ajudar este usuário a atingir mais rapidamente seus objetivos, eliminando suas dúvidas; de forma indireta, poder-se-á também, encontrar facilmente falhas nos processos, permitindo corrigi-los, ou até mesmo possibilitar melhorias nestes;

Em caso de problema, num banco de dados, por exemplo, este poderá ser reconstituído ao ponto até onde o sistema funcionou antes de uma tarefa acarretar problema (muita gente que utiliza certo SGBD no mercado automotivo sabe do que estou falando!);

O mais interessante, sou capaz de afirmar 100%, que será impossível acessar o sistema por adivinhação, ataque de dicionário, força bruta ou qualquer outro meio mal intencionado (polimorfismo);

5. Atrevo-me a dizer que a perda de dados será quase impossível, só em caso de muito e total azar rsrs (mas o universo paralelo estará lá para garantir os dados de volta);

6. Sistema de login com processo jamais visto antes.

Exemplo fictício: imaginem uma estrutura concebida por meio de peças de dominó que, logo após terminada, coloca-se tal estrutura num cofre seguro e este cofre ainda não possui ainda chave para abri-lo (perfeitamente possível). Imaginem agora aquele usuário que pode ter acesso e que, por algum motivo, resolva tirar uma destas peças, ou várias, fazendo com que o todo caia ou apenas parte dessa estrutura apresente problema. O que fazer?

Perdoem-me caros amigos e companheiros de profissão; mas, esta e demais repostas somente aparecerão na hora e no lugar certos, depende apenas de sua curiosidade!

Abraços a todos!

José Henrique Bezerra Sento Sé

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

A melhor parte de se trabalhar com TIC é a possibilidade de resolver problemas e ajudar pessoas a resolver os delas; assim, o grupo ganha, levando ao inevitável sucesso; de todos, e o da organização onde estamos. É muito gratificante extrair o que há de bom das pessoas que nos cercam, que muitas vezes, nem sabiam que tinham; ao mesmo tempo, assim, aprenderemos cada vez mais.

José Henrique Bezerra Sento Sé

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.