Carreira

Ξ 12 comentários

A falta de profissionais de TI – Chovendo no molhado

publicado por Leonardus V. Ferreira

Muito se fala em déficit de profissionais de TI, nas vagas que sobram por ai e na má qualidade do ensino técnico e superior, e sempre que se toca nesse assunto, como nessa reportagem http://bit.ly/p2lZAR, vemos os comentários óbvios.

Profissional acomodado:
“Reclamam que não há profissionais, mas exigem que o cara seja Adm. Linux e MS, pleno em Java e PHP e sênior em Oracle, pra pagar R$1800,00 e vale refeição”

Profissional que se deu bem:
“Eu não tenho o que reclamar da área de TI, ganho bem e vaga não falta, é só uma questão de se dedicar, claro que a faculdade não forma um profissional completo, mas isso não é só em TI”

Profissional frustrado:
“Hoje trabalho na área administrativa, larguei a TI, estudar o tempo todo, gastar uma grana com certificação e não ter retorno.. isso é burrice”

Profissional que esta começando:
“Estou no segundo ano da faculdade, pretendo ser certificado LPI, MS, Oracle e Java, ai quando terminar a faculdade farei uma pós em Gestão de Projetos”

Profissional que estava sem nada pra fazer:
“hehehe… é né concordo com os comentários, todos!”

Ok, o ultimo eu inventei, mas o resto são representações dos comentários que sempre aparecem. As vagas que exigem muito e pagam bem são escassas, as vagas que exigem pouco e pagam bem mais ainda e as que exigem pouco e pagam pouco são as mais comuns. Se um empregador tem uma vaga com muitos requisitos e paga pouco ela não será preenchida, se um profissional de TI quer ganhar bem mas não tem qualificação, ficará desempregado ou aceitará um valor menor.
Acho que nunca escrevi nada tão óbvio, talvez minha lista de compras, mas não conta, e tem quem não entenda isso, empregador e empregado.

Tudo isso foi só uma reflexão, uma constatação do óbvio, algo assim.

Um abraço e até mais pessoal.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Atuando na área de suporte, infraestrutura e gestão de TI a 7 anos, criando, implantando e gerenciando projetos em clientes que variam de microempresas a grandes estatais. Certificado: LPIC I (Linux Professional Institute Certified I)- ITIL V2 Foundation - ITIL V3 Foundation - Mandriva Systems Certified Professional - Mandriva Network Certified Professional - NCLA (Novell Certified Linux Administrator)- DCTS (Data Center Techinical Specialist). Twitter: http://twitter.com/#!/leovalferreira Blog: leovalferreira.wordpress.com Profissional: http://br.linkedin.com/in/leovalferreira

Leonardus V. Ferreira

Comentários

12 Comments

  • Post Deplorável…. não agrega nada..

    • Ola Chico,

      A ideia do post era gerar reflexão e discussão, e não dar o caminho dos tijolos dourados, se não atingi o objetivo com você, é uma pena.

      De qualquer forma obrigado por comentar.

  • Boa noite Leonardus, tudo bem?

    Acredito que em todas as áreas faltam profissionais, repetindo, faltam PROFISSIONAIS. Diploma de cursos superiores de graduação, pós graduação, certificações e etc não formam profissionais, formam pessoas com conhecimento técnico, qualificadas, para essas pessoas sempre irão existir as vagas que pedem muito e pagam pouco.
    Um profissional, além de um bom conhecimento técnico, também possui outras habilidades, trabalhar em TIME e não em equipe, se COMPROMETER e não apenas se envolver – lembra da tirinha da galinha e do porco?! – saber ouvir e se comunicar entre outras tantas habilidades que, ainda, não há certificações ou faculdades.

    Outra fator interessante é, ao meu ver, a falta de planejamento de carreira do profissional de TI. Um bom exemplo disso é a terceira linha de pensamento apresentada no texto, não vejo nada de errado em almejar uma cargo em gestão de projetos, mas eu acredito que, pós em gestão logo depois da faculdade não fará de ninguém um gestor. Vejo que muitos querem chegar no topo sem subir os degraus da escada, e isso pode ser um problema, pois o mercado recebe muitos profissionais “técnicamente qualificados”, e ansiosos para crescerem, por isso as empresas acham perfeitamente normal exigir várias qualificações pagando pouco.

    Para os que aqueles que querem seguir a área de gestão de projetos darei um conselho, comesse gerindo um dos melhores projetos que você poderá gerir: A sua carreira.

    Forte abraço!

    • Ótimo comentário, muito pertinente ao assunto.

      Obrigado pela participação!

  • Olá,

    Iniciei minha faculdade (Gestão da Tecnologia da Informação) há 2 anos atrás, e no primeiro semestre, já tinha esse pensamento, quero ser um gerente de projetos, e comecei a me dedicar todos os dias, sem parar, fiz o curso de ITIL, COBIT, mas com o tempo, pesquisando, percebi que realmente estava querendo pular alguns degraus.. Então, voltei meu foco para o básico, sempre fui envolvido com tecnologia, desde meus 6 anos de idade (atualmente tenho 23), sempre tive bons conhecimentos, mas nunca havia me especializado em algo específico. Então, comecei a estudar Redes, Linux, Windows Server, etc e procurando emprego básico, como estagiário, para ganhar pouco, não me importava com o salário, desde que eu realmente conseguisse uma oportunidade dentro de uma empresa na área de TI, mas se passou um ano e não consegui essa locação, não sei se é porque atualmente ganho um pouco mais de R$ 1.800,00 e isso acaba inibindo as pessoas, mas isso não me desanimou, resolvi mudar o meu foco, pois eu adoro conhecimento, adoro aprender, adoro ser criticado, enfim adoro aprender, sou viciado em conhecimento, principalmente quando se trata de TI. Desde então, tenho me focado na área de programação, sempre tive conhecimentos básico em PHP, Java, HTML, mas resolvi começar do básico, aprender uma das linguagens mais díficil, então inicei com o C++, e hoje estou estudando Java, mas continuo sem conseguir a minha locação mercado, e tenho de certa forma, bastante cursos, todos envolvidos com TI e comprovando meu conhecimento.

    Eu realmente não consigo entender o que está acontecendo, mas talvez, logo logo, me enquadrarei no exemplo do funcionário frustrado, pois além das habilidades de TI, também me preocupo com a área de negócios, contabilidade, e etc.

    Acho que é isso, fica a minha opnião de alguém que está tentando começar a carreira na área de TI.

    PS: Sei que estou um pouco atrasado, mas infelizmente por alguns motivos pessoais, não pude iniciar antes.

    Abraços e sucesso a todos.

    • É interessante se dedicar e tudo o mais… mas é visível que, pelo que você diz, possui um histórico de ir com muita sede ao pote. Dá uma relaxada e não desmotiva por esses motivos, é tudo questão de jogo de cintura.

    • Vinicius, estou na mesma situação que você, a minha história se parece muito com a sua, porém tenho 22 anos.

    • Acredite, tem gente que começa bem mais tarde que você e se da bem nesse mercado. Não desanime!! Já pensou em fazer trabalhos voluntários na área de TI para poder comprovar experiência? Talvez tenha alguma ONG ou Associação na sua cidade ou região que poderá lhe dar um ótima referência para uma futura contratação

  • Prezados,

    Vocês falam isto pois não conhecem a área jurídica. Os escritórios querem advogado com inscrição (aprovado no absurdo exame de ordem) e pagam R$1000,00 sem beneficío nenhum.

  • Essa é a grande realidade, além de nivel superior formações em TI são as mais caras além de serem em sua grande maioria (de qualidade) em ingles.

    Ou seja, o profissional alem de formado, tem que ter N formações, certificações e ingles (Ler, Falar e Escrever).

    Ai vem o empregador e paga a bagatela de R$ 1.500,00. é justo?
    Acho que o porteiro do seu prédio, que nao estudou o que vc dedicou, deve ganhar uns R$ 1.100,00.

    Isso tudo dá muita é raiva.

  • Sério mesmo, estou na área a 8 anos e bla bla bla independente da minha boa formação tive salários variados bons e ruins entretanto um técnico de mecânica com um cursinho de 2 meses de ultra-som n2(ensaios não destrutivos) ganha um salario inicial de 5mil reais fácil e se falar inglês dobra, agora é melhor ralar 8 anos pra ganhar 3 mil e pouco ou 2 aninhos e ganhar 5 mil?
    TI esta prostituída na minha região, os que ganham bem perdem os cabelos e ganham um câncer de tanto stress e os q ganham pouco também são sugados até a alma. Na boa TI é a profissão do futuro, FUTURO, pois talvez só lá valerá a pena pra maior parte dos guerreiros de TI.

  • analista de infra estrutura na valfilm salario 1000 exigência nv superior

    auxilar de compra montvale salario 1200 exigência nv médio

    ~~ sem mais…..

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.