Mercado

Ξ Deixe um comentário

06ª ou 05ª maior economia? Estamos de olho!

publicado por Marcelo Correa

O Brasil segue a passos um pouco menos vagarosos com a preparação para uma série de grandes eventos, tais como Copa das Confederações, Copa do Mundo e Olimpíadas, incluindo a esta série, algumas decisões estratégicas que estão sendo tomadas há anos na política do nosso país, por exemplo, com o Pré-sal, a fim de tornar esta República um dos “05 gigantes”.

Muito temos lido e escutado que o “País dos Impostos” continuará a beneficiar uma pequena parcela da população, esta tão carente em questões de saneamento básico, saúde, moradia, alimentação, educação, segurança, emprego entre outros. Vale lembrar, mesmo com menor importância, que o Brasil AINDA não tem aeroportos, nem um sistema de transporte nacional em funcionamento, nem um extenso serviço de internet banda larga nas cidades-sede da Copa.

O que nos resta? Pensar positivamente que esta pequena parcela com hombridade e respeito, invista em iniciativas que possam suportar a efetiva melhoria da qualidade de vida dos brasileiros.

Isso fica difícil, quando lemos que apenas com os gastos do sorteio preliminar, o qual definirá as eliminatórias da Copa do Mundo (30 de julho de 2011), o Governo e a Prefeitura do RJ injetaram R$ 30 milhões para construir a belíssima estrutura na Marina da Glória, no Rio de Janeiro. Esta esbanja grandiosidade, porém gera muitas críticas pelo alto orçamento gasto com um evento que dura um dia e cerca de duas horas. Note-se que embora a festa seja da FIFA, as despesas foram custeadas por meio de recursos públicos. Então eu pergunto: Quantos hospitais ou escolas poderiam ser feitos na região com essa grana?

A minha humilde opinião é que as benfeitorias que serão feitas nas cidades-sede irão deixar um excelente legado e ajudar muito a população em âmbito nacional, a partir de estrondosos investimentos que estão, e serão feitos em tecnologia, mídia e publicidade, transporte, segurança, reurbanização, parque hoteleiro, petróleo, podendo ultrapassar a R$ 400 bilhões. Será o bastante?

Considerando aqui o foco tecnológico, fala-se ainda da pouca evolução até a Copa de 2014, na qual teremos poucas novidades em relação ao que foi visto em 2010, sendo que as principais mudanças serão apenas na parte de como as imagens chegarão aos usuários dos mais de 200 países que a assistirão. Com isto, um dos pontos a serem sanados são o transporte dos sinais de tv e informações da internet para e fora do país, os quais devem apresentar novas tecnologias de compressão, capacidade de largura de banda etc. etc. Fala-se também na possibilidade da Copa ser transmitida em sua totalidade no padrão 3D. Note-se que em 2010, na África do Sul, apenas 25 jogos do torneio foram exibidos com esta tecnologia, conforme informações da FIFA, por meio do diretor Niclas Ericson.

Desta forma, é extremamente necessário fazer com que tudo isso funcione com extrema qualidade e o devido suporte necessário. Imagine durante ou na final da Copa de 2014, a tela da sua tv ficar preta ou a sua internet permanecer indisponível? “É claro que isso não vai acontecer…”

Voltando ao escopo inicial, você acredita que com todo este investimento e toda a atenção voltada ao país, o Brasil pode se tornar a 06ª ou 05ª economia? A meu ver, as chances são grandes, este ano já ultrapassamos a Itália e somos a 07ª. A partir de agora, o foco É CONSEGUIR SE SUSTENTAR, E MANTER O LEMA NACIONAL “ORDEM e PROGRESSO”.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Profissional hands-on com mais de 11 anos de experiência em TI e Processos de Negócio (Comercial, Pré-venda, Pós-venda, Compras, Fornecedores, RH etc.), 6 deles trabalhando como Consultor e Instrutor credenciado pelo EXIN para ministrar cursos oficiais de ITIL & ISO. É certificado ITIL Expert e Service Manager, bem como ISO 20000 Lead Auditor. E-mail: mcorrea.itsm@yahoo.com.br LinkedIn: http://br.linkedin.com/in/mscorrea

Marcelo Correa

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.