Mobile

Ξ 1 comentário

Mobile Device Management – O que mudou depois do surgimento?

publicado por Fabio Bianco

Atualmente um dos bens mais valiosos das empresas é a informação. Com a chegada dos smartphones, os usuários de dispositivos móveis, descobriram a possibilidade de ter todas as informações sobre noticias, amigos (redes sociais) e trabalho atualizadas e ao mesmo tempo. Com isso apareceu a necessidade de ter um aparelho corporativo, simples, com o número de funções reduzidas, como e-mail, calendário e contatos, porém que pudesse manter ter as informações da empresa com toda a segurança necessária e outro que tivesse aplicativos para uso não corporativo como redes sociais, jogos e outras funções que somente os smartphones mais sofisticados possuem.

O surgimento do MDM (Mobile Device Management) permitiu que os dois mundos, tanto o corporativo, quanto o de uso pessoal, pudessem conviver com segurança em um só aparelho.

Com as soluções de MDM que existem hoje, é possível controlar, no nível do detalhe, todas as aplicações que podem ser executadas no aparelho, além de proteger as informações corporativas, através de senhas e permissões vinculadas ao acesso disponibilizado na rede da empresa.

Através do acesso remoto ao aparelho, é possível instalar aplicações, aplicar políticas de segurança, como uso de senhas, restrições de conteúdo e até mesmo apagar todas as suas informações corporativas sem nenhuma intervenção do usuário.

Com o surgimento do BYOD (Bring Your Own Device), soluções como o Air Watch, o Mobile Iron, permitem um controle bastante restrito em relação à segurança dos dados corporativos, quando acessados através de aparelhos de uso pessoal. Estas soluções, podem ser implementadas e gerenciadas no ambiente “in cloud”, ou dependendo do tamanho da necessidade, é possível criar um ambiente dentro da rede da empresa.

A Blackberry, sempre foi uma das empresas mais bem conceituadas em relação à soluções de segurança móvel porém, a solução de MDM que ela disponibilizava só poderia ser usada em aparelhos Blackberry. Com o lançamento da nova plataforma Blackberry Enterprise Server 10.1, hoje é possível criar dois ambientes distintos, dentro do mesmo aparelho, mesmo que o aparelho seja baseado em Android ou IOS, usando o EMM (Enterprise Mobility Manager), além de eliminar a necessidade carregar mais de uma aparelho.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Profissional da área de TI há 12 anos, atualmente atuando como especialista em infraestrutura na Crivo Transunion Formado em Tecnologia em Processamento de Dados, e Gestão de TI. Responsável pela área de mobilidade, em relação às plataformas de gerenciamento e homologação de aplicações para uso em dispositivos móveis, monitoramento de infraestrutura e gestão de servidores Windows/Linux

Fabio Bianco

Comentários

1 Comment

  • vc poderia descrever pra min O que mudou na segurança na area de ti apos o 11 de setembro
    trabalho academico

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes