Tecnologia

Ξ Deixe um comentário

LEGO, LOGO ROBÔ – esse brinquedo é sério? – linha EV3

publicado por Antônio Sérgio Borba Cangiano

ev3rstorm-mindstorms-ev3Seiscentos bilhões de legos já foram produzidos, cerca de 80 legos por pessoa viva na terra que somam 7 bilhões de almas. Esse brinquedo que revolucionou diversas áreas da educação, do conhecimento, desde a administração até a engenharia, com impactos nos conceitos de “modularidade”, “building blocks”, faseamento em projetos, abriu possibilidades de imaginar que com pequenos sólidos retangulares e suas composições, pode-se criar e realizar o que quiser, com a simples ideia de que com o primeiro passo, ou primeiro Lego, se vai ao longe. Os fabricantes continuam a surpreender um público mais sofisticado e seduzido pela eletrônica evoluindo do lego que conhecemos para novas funcionalidades, dessa vez incluindo o campo da computação, a conectividade, sensores e eletrônica aplicada (motores). Com a certeza de que a partir de uma simples peça pode-se chegar a produtos tridimensionais sofisticados, a Lego Mindstorms, desde 1998, não deixou de demonstrar a sua inovação, inédita mesmo onde impera a eletro-eletrônica. A peça de plástico retangular, maciça e colorida, vem inovada com novas características que possibilitam construções além de carros, casas, pontes, aviões, máquinas, animais, pessoas, e tudo o que pode ser representado pelos pedacinhos de plástico coloridos e anexáveis de suas origens, mas também a criação de ROBÔS. Isso mesmo, os pequenos blocos transformados possuem engrenagens, interfaces, processadores e memórias para produzirem movimentos e ações específicas, constituindo-se no que reconhecemos como versões modernas de robôs, que não têm mais a aparência da “Rosie”, empregada robô da série os “Jetsons”, mas pode estar sobre a mesa, como uma caixinha, ou no chão como um carrinho, ou um bípede, ou um criado mudo mas inteligente. Quando os cientistas da IBM disseram que o computador teria o mesmo destino dos motores elétricos, ou seja estarem em toda a parte, e servirem para quase tudo, descolado de suas formas e funções originais, os robôs também terão a mesma metamorfose, hoje um brinquedo amanhã uma utilidade criativa em nosso cotidiano com processadores, memórias, sensores e movimentos úteis.

Os robôs de brinquedo da edição EV3 tem partes conectadas via Bluetooth e tem comunicação WI FI com os dispositivos móveis Android e iOS que podem controlar o brinquedo remotamente. A capacidade de memória e processamento do ROBÔ está ampliada com possibilidades de configurações e programação avançadas, o processador do EV3 é 10 vezes mais rápido do que o modelo anterior da linha MINDSTORMS, o que permite que o brinquedo controle muito mais peças e sensores ao mesmo tempo. O novo sistema conta também com memória RAM de 64 MB e memória de armazenamento de 16 MB. Ainda para a diversão da iniciante galera candidata a engenheiros criativos, o EV3 inclui sensores infravermelhos que identificam o ambiente e a distância dos objetos dando uma opção espacial ao brinquedo, que pode desviar e parar, sem tocar em obstáculos e ainda atirar no alvo. Cada kit do EV3 vem com três motores para realizar as principais funções de movimento do robô. Dois motores servem especificamente para mover as peças: braços, pernas e tentáculos dos modelos construídos. O terceiro motor é dedicado a ações mais específicas, como disparar munição. A proposta da empresa é entregar um brinquedo mais acessível e ao mesmo tempo mais sofisticado para atender as expectativas da geração infantil e de jovens atuais. Brinquedos como o Lego e o EV3 para exercitar habilidades e colocar a criatividade e a inovação para trabalhar, já fazem parte das opções de nossos jovens. Não só jovens, é fato que adultos tem produzido verdadeiras obras de arte com o Lego normal, o que ganhou o apelido de Legomania. o que pode acontecer com o EV3. A fábrica promete para Julho a chegada desse brinquedo no mercado. Leia mais em: http://mindstorms.lego.com/en-us/default.aspx.

A oportunidade de poder brincar com peças extremamente simples, com funções elementares que podem ser compostas segundo a imaginação, terão sem dúvida alguma, impactos na educação e em nosso cotidiano futuro. Quer seja pelos sonhos que despertam nas novas gerações, quer seja a realizar montagens inéditas a partir do pensar simples, com conjuntos integrados em produtos compostos imaginários mais complexos e com funcionalidades sensoriais conectadas a controles remotos já existentes em larga escala. Esses produtos poderão ser úteis no dia a dia e podem trazer mais qualidade de vida e produtividade, deixando de ser apenas brinquedos, para fazerem parte de toda um cultura robótica. O Lego desde a sua invenção proporcionou inúmeras inovações no conhecimento da sociedade, o Mindstorm poderá ir ainda mais longe. Processos educacionais de qualidade não podem deixar de considerar formas lúdicas de aprendizado, e de ponta utilizando coisas desse tipo. Vamos conferir.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Mestre em Engenharia de software: redes de computadores pelo IPT - USP, Bacharel em Ciências Econômicas e em Ciências de Computação, ambos na Universidade Estadual de Campinas. É Certificado pelo PMI em Gestão de Projetos – PMP e Conselheiro de Administração e Fiscal – IBGC/CCI. Experiência em empresas multinacionais, nacionais e públicas de grande porte: IBM, Ericsson, Unisys, Atos Origin e no SERPRO como diretor de gestão empresarial. Atuação executiva nas áreas de TIC, Finanças e venda de soluções. Conhecimento e habilidade nas áreas de: Planejamento, Gestão, Comercial, Projetos, Certificação Digital, Viabilidade Econômica/Financeira, Segurança e Sustentabilidade. Hoje exerce cargo de Assessor da Presidência do ITI – Instituto de Tecnologia da Informação – responsável pela ICP Brasil. Autarquia supervisionada pela Casa Civil do Governo Federal. Participa da câmara de segurança e é membro substituto ambos no CGI.BR.

Antônio Sérgio Borba Cangiano

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes