TI Corporativa

Ξ 1 comentário

Socorro! Não consigo implementar meu ERP …

publicado por Marcio Blak

Figura - Socorro! Não consigo implementar meu ERP…Certeza que você já ouviu este pedido de ajuda de algum amigo varejista, gestor de alguma empresa média ou mesmo grande, de algum segmento. É extremamente comum, pelo menos no segmento varejista/food service – das pequenas e médias empresas – que uma implementação de ERP fique a deriva. Porque? É isto que vamos refletir aqui…

Rapidamente, o que é um ERP então? Da sigla ERP, do inglês,  Enterprise Resource Planning, ou aportuguesando, Sistema de Gestão Empresarial, que – a grosso modo – podemos definir como um sistema (software) capaz de interligar todos – ou quase todos – os setores de sua empresa, sejam, vendas, estoque, pessoal, contábil, financeiro, e por ai vai.

Quando você vai começar uma implementação de um ERP, seja o tamanho que for, você precisa reunir o máximo de informação possível. Agora, imagine….

Imagine juntar um membro da equipe de cada setor, numa mesma mesa em uma sala de reunião, e perguntar o que é importante para ele ter no sistema. Bom, desta imagem “sinistra”, você já pode imaginar o porque é dificil implementar um ERP.

Brincadeiras a parte, muito dos problemas, realmente, partem da falta de comunicação entre os setores. Mesmo numa empresa pequena, existem muitos ruídos entre setores.

Uma das coisas que sempre tento levantar são os processos de cada empresa. E qual é a surpresa? Quanto menor a empresa, claro, menos processos tem. E sem estes processos é difícil começar a pensar na implementação de um ERP. Um exemplo clássico é o inventário de estoque. São poucos os que sabem exatamente o porque fazer, como fazer, e quando fazer.

Bom, passado este ponto, deve-se levantar todos os cadastros necessários. Sejam de insumos, produtos acabados, plano de contas (xiiiiiiii, agora pegou !!!), cargos, funcionários, etc..etc..etc.. Certamente, muito dever de casa é feito nesta hora, e muito lixo aparece, e precisa ser eliminado antes de entrarmos no sistema.

Depois disto, ou em paralelo aos processos, é importante também buscar as regras do negócio. Alguma empresas tem regras específicas de impostos, vendas e descontos, entre outras, enfim, tudo que faz a empresa girar corretamente, para a melhor automação. Neste momento é importante elencar tudo para ser criado e gerado pelo sistema ERP.

Enfim, poderíamos nos estender por horas neste post, falando de cada um dos setores, mas tirando as especificidades de cada setor, os três pontos básicos, para um bom início, são sempre:

  • Processos
  • Regras
  • Cadastros.

Assim, se lembrarmos deste “tripé implementacional”, conseguiremos pelo menos não afundar na implementação do ERP.

Pode ser até que seu software tenha eventuais bugs – nenhum software está livre – e isto impacte na implementação, mas ANTES de puxar os cabelos falando mal do software, reveja este tripé!

Já a utilização correta e bem-sucedida, depende de muito treinamento (não esqueça disto!) e principalmente envolvimento da alta-gestão da empresa. Mas isto já é papo para outro post!

Tá com dificuldade em implementar seu ERP, mande um inbox! Talvez possamos ajudá-lo.

Esqueci de algo? Fique a vontade e complemente nos comments.

Gostou, dê um like & share! Ficarei bem feliz com isto 🙂

Bons negócios !

[Crédito da Imagem: ERP – ShutterStock]

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Marcio Blak, engenheiro, graduado pela UFRJ e com MBA em gestão de negócios pela FGV, e gestão de marketing pela ESPM, criador e gestor por 16 anos da SnackControl, empresa líder no segmento de softwares para automação e gestão no segmento de franquias defood-service, até 2008, quando foi vendida para Bematech. Em seguida atuou no mercado web, como CEO dos portais http://www.ComerNaWeb.com.bre http://www.FoodTraders.com.br

Marcio Blak

Comentários

1 Comment

  • Fato.. atuo a mais de 6 anos nesta área e realmente essas 3 etapas já parecem ser algo impossível pra maioria das pme.. duro é quando acham que milagrosamente o ERp vai resolver tudo na empresa. .. aí depois vem a parte contábil fiscal. . Etc etc… Só quem vivencia isso é que sabe o quão difícil é…

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes