Tecnologia

Ξ Deixe um comentário

Sobre futuro e inovação

publicado por Cezar Taurion

Constantemente apresento palestras sobre inovação e uma das perguntas que sempre ouço é “como a IBM planeja o futuro?”. Uma boa pergunta e vamos compartilhar um pouco destas ações de planejamento aqui neste post. Quando a IBM completou 100 anos, em meados do ano passado, a revista Economist publicou um artigo muito interessante chamado “The test of time: Which of today’s technology giants might still be standing tall a century after their founding?. Este outro artigo, “1100100 and counting”, complementa o primeiro. A leitura dos dois textos nos dá uma visão bem interessante de como uma empresa sobrevive 100 anos se mantendo no topo de um setor extremamente competitivo como o de TI. O segredo é não depender de um produto, mas atuar em torno de uma ideia, que para IBM é empacotar tecnologias para gerar soluções para os clientes.

No cerne da ideia está a inovação. É absolutamente essencial ter uma visão da direção dos avanços tecnológicos e da demanda do mercado, de modo a se antecipar aos movimentos deste. Para isso, a IBM desenvolve e incentiva diversas ações focadas nas transformações da tecnologia, sociedade e cenários de negócio.

Em tecnologia a IBM desenvolve anualmente o GTO (Global Technology Outlook), envolvendo onze laboratórios em nove países. O objetivo do GTO é identificar tendências e tecnologias disruptivas de alto impacto na sociedade e nas empresas em um horizonte de três a dez anos. É um processo que leva cerca de um ano e envolve profissionais das áreas de negócio, que estão envolvidos diretamente com as verticais de indústria e seus principais clientes, a própria área de pesquisas, além da academia e parceiros de negócios. Claro que um dos principais inputs vem da área de pesquisa, a IBM Research. Um resumo do GTO para 2012 está aqui.

Outra fonte de insights é o GIO ou Global Innovation Outlook, que gera uma visão mais abrangente das mudanças que tem o potencial de afetar a sociedade e as empresas de forma bem ampla. O GIO pode ser acessado aquiO último e bem interessante relatório produzido pelo GIO aborda a questão da segurança e privacidade no mundo digital. Vale a pena a leitura.

Outra fonte de ideias e direcionamentos é a IBM Academy of Technoloy que atua no desenvolvimento da comunidade técnica da empresa, engajando clientes neste contexto.

O processo de inovação colaborativa é amplamente incentivado e uma das mais conhecidas iniciativas da IBM foi o Innovation Jam em 2006. Desde então diversos jams ou brain-storms virtuais foram desenvolvidos. Para conhecer melhor a mecânica dos jams sugiro acessar a página Collaboration Jam.

A análise de cenários de negócio é efetuado pelo IBV, IBM Institute for Business Value, uma equipe de mais de 50 consultores que desenvolvem pesquisas e estudos sobre verticais de indústria. O IBV pode ser acessado aqui. Nesta página é possível acessar estudos muito interessantes como o Global CEO Study ou o CMO Study, que mostram claramente a percepção e visão dos executivos de empresas globais sobre os cenários tecnológicos e mundiais. Estes materiais são disponibilizados publicamente.

Internamente temos também o Marketing Intelligence Strategic Perspectives Team, que analisa os cenários tecnológicos e de negócios, propondo ações concretas por parte das diversas áreas da empresa. Outro grupo interno é o Horizon Watch, formado por cerca de 2 mil IBMistas que analisam as tendências tecnológicas e os debatem internamente e, muitas vezes, externamente com clientes via webcasts, conference calls e palestras.

Enfim, fontes de ideias e insights não faltam. O desafio é transformar todo esse input em ações concretas de sucesso, como as recentes estratégias de smarter planet e smarter cities.

Bem, caso queiram mais uma boa descrição dos temas que abordei aqui, acessem o texto “100 years of foresight.

Realmente recomendo acessar os links do post, pois eles os levarão a excelentes fontes de informação.

 

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Cezar Taurion é head de Digital Transformation da Kick Ventures e autor de nove livros sobre Transformação Digital, Inovação, Open Source, Cloud Computing e Big Data.

Cezar Taurion

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes