Mercado

Ξ 4 comentários

Smartphones, será tendência ou puro modismo e consumo?

publicado por Wanderlei Bonifacio

Smartphones, Tendência ou Modismo?

Qual é a mania de tudo isso?

Se você ainda não ouviu falar de smartphones, eu particularmente gostaria de saber onde você esteve escondido durante todo esse tempo. Os Smartphones têm sido alvo de vários noticiários diariamente e as chances são que certamente você sabe o que são eles, talvez por outro nome. Os Smartphones são celulares com o funcionalidades de um Netbook.

O que é isso? Ahãaa! Sim, você não somente ouvi falar deles, como muito provavelmente já o viu também. Embalado com acesso à Internet 3G e Wifi, recursos de e-mail, catálogo de endereços, e muito mais, os telefones celulares já percorreram um longo caminho desde sua estreia. Mas cuidado para não confundir esses novos brinquedos com dispositivos de proteção de segurança.

Os celulares são dispositivos que possuem como ferramentas que vêm pré-carregadas aplicativos tais como: calendários, calculadoras e um bloco de notas. O que os diferencia dos smartphones é que os usuários podem adicionar (download, Upload e instalar) programas adicionais para smartphones e eles aparentemente são minicomputadores portáteis para as pessoas que os usam. Isso quer dizer, capacidade para editar conteúdos, enfim, o que faz esses telefones “inteligentes”.

Algumas das marcas mais populares incluem o Blackberry, PalmSource, Nokia, Windows CE, Mobile e Symbian e Android. No entanto, a mania está se estendendo para até mesmo alguns nomes de empresas de outras marcas. Hoje, é difícil encontrar um telefone celular que não oferecem algum tipo de tecnologia “inteligente” porque está em uma demanda muito elevada. A conveniência de ter a informação em nosso acesso imediato é fenomena, tanto é que milhares de programadores estão aproveitando a oportunidade para construir aplicativos únicos específicos para essas máquinas de pequeno porte.

Como resultado, você pode encontrar toneladas de jogos, bancos de dados, sistemas de GPS, os programas de clima e tempo. É claro que um miniteclado está disponível para os fãs de mensagens de texto ou para aqueles que não conseguem ficar longe do escritório. Neste último caso, não se surpreenda se você encontrar todo o pacote Microsoft Office exibido em uma tela do tamanho de uma caixa de fósforos. (risos)…

Será isto uma fase? Isso é altamente duvidoso. O mercado para esses dispositivos se estende desde o altamente técnico e profissional em todo o caminho até o socialite pré-adolescente. O produto atravessa toda a demografia e, graças à redução de custos que não vê limites econômicos também. A Wikipedia diz que “Fora vendido mais de 1,3 bilhão de telefones com câmera em 2009, Smartphones, são a extremidade do mercado, com o apoio de e-mail completo, irá representar cerca de 30% do mercado, ou cerca de 390 milhões de unidades em 2011”.

Mas o que faz os Smartphones tão atraentes? Como mencionado, os smartphones nos oferece a capacidade de não só levar os dados ao nosso redor, onde quer que você vá, ela também nos dá a capacidade para editar os dados de qualquer lugar a qualquer hora. A Nossa realidade hoje está baseada em procurar cada vez mais  a oportunidade de captar e reviver um momento. E nós queremos compartilhar esse momento com os outros. Na melhor das hipóteses, os smartphones nos dão a oportunidade de nos expressarmos de improviso, com resultados interessantes.

Tentar fazer o mesmo com um computador desktop ou laptop volumoso é complicado. Mesmo alguns dos menores periféricos (câmeras digitais, filmadoras digitais, etc) não nos dão as mesmas oportunidades que os telefones inteligentes fazem. Ser capaz de transportar em um pequeno dispositivo de comunicação, criação, gravação e edição de um simples elogios a necessidade de geração de uma proposta hoje para um cliente até para fazer mais e, em seguida, fazê-lo, mais rápido!

Acredito que os Smartphones não vieram para ficar, como já estão consolidados e é um caminho sem volta. Particularmente eu não consigo imaginar meu dia a dia profissional e pessoal sem os recursos que meu smartphone proporciona e você, em que um smartphone tem lhe ajudado, gostaria de ler sobre as suas experiências… Este foi Wanderlei Bonifácio

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Wanderlei Bonifácio é Graduado em Análise de Sistemas Pós-graduação Gestão de Projetos pela FGV Pós-graduação em Marketing Digital pela FGV, Mestrando em Ciências da Computação pela Faccamp Cofundador da Infonegócio Treinamentos Empresariais Carreira desenvolvida há mais de 18 anos na área projetos, comercial, fidelização e relacionamentos com clientes, implementando produtos, serviços em Tecnologia da Informação e Telecomunicações. E-mail: wanderlei@outlook.com - Cel.: (11)-98687.7711

Wanderlei Bonifacio

Comentários

4 Comments

  • Não só estão consolidados como já encontram-se segmentados por área de atuação: o smartfone para o executivo, para o consumidor de midia, para o “nerd”, para o público jovem…….

  • Oi Wanderlei,

    Excelente artigo !

    Só um detalhe, Blackberry e Nokia são fabricantes de celular e smartphone sendo a primeira a lider do mercado.

    Enquanto que Windows CE, Symbian e Android são os Sistemas Operacionais dos smartphones.

    A PalmSource é a fabricante do sistema operacional do antigo velho de guerra e pqe não “dinossauro” Palm.

    Abraços,

    Eder

    PalmSource, Nokia, Windows CE, Mobile e Symbian e Android

  • “Acredito que os Smartphones não vieram para ficar, como já estão consolidados e é um caminho sem volta.” —> “os Smartphones não vieram para ficar”: Acima, acredito que o senhor queria dizer que já se consolidaram. Eu (Silvestre)acho que os Smartphones são uma tendência e evoluiram mais ainda com o tempo em termos de processamento.

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes