Segurança da Informação

Ξ Deixe um comentário

Não deixe que os hackers espiem a sua câmera IP! Saiba como protegê-la!

publicado por Equipe da Redação

Figura -Não deixe que os hackers espiem a sua câmera IP! Saiba como protegê-la!As câmeras IP são um tipo de câmera de vídeo digital que capturam imagens e as enviam para a Internet. Elas são usadas geralmente como câmeras de vigilância e são parecidas com webcams tradicionais. Elas estão disponíveis no mercado desde 1996, mas só começaram a ter destaque quase uma década depois e agora são usadas frequentemente como câmeras de carro e de corpo.

Se o vídeo for transmitido através de uma rede de Internet pública ao contrário de uma rede privada, os criminosos que possuem experiência com o hackeamento de câmeras podem desativá-las ou até manipular as imagens.

Há várias formas de combater estes ataques e manter as suas câmeras de segurança IP sob o seu controle. A espionagem digital é frequente, então certifique-se de tomar todas as medidas preventivas possíveis antes de transmitir ao vivo.

O primeiro passo a fazer antes de comprar a sua câmera IP é proteger a rede sem fio de sua casa. A câmera IP usará o seu roteador sem fio para transmitir os dados para a Internet, então certifique-se de manter essa transmissão a mais protegida possível. Você precisará encriptar os seus dados para que as outras pessoas não vejam. Isso quer dizer que você precisa encontrar os protocolos de segurança, como o WPA2, e ativá-los.

Se você está planejando em usar a câmera fora de sua casa, você também precisa proteger a sua conexão com a Internet. Algumas câmeras já vem com um sistema de encriptação embutido, outras são bem básicas. Verifique as avaliações das câmeras antes de comprá-las para ver quais delas podem encriptar os seus dados da melhor forma possível. Tente comprar uma câmera com um bom nível de segurança, que possui usuário e senha, e também um sistema de encriptação para a transmissão ao vivo.

Se você está planejando que outra pessoa use a sua câmera, você também pode alterar as configurações para impôr limites no uso dos outros usuários. Por exemplo, se você quer que um amigo vigie a sua casa enquanto você sai de férias, você pode configurar a câmera para fazer isso durante esse período.

Certifique-se sempre de atualizar o software e o firmware para a versão mais recente. As empresas disponibilizam atualizações quando descobrem que há algo de errado ou que compromete a câmera. Preste atenção nessas atualizações.

Certifique-se de que a sua senha seja forte e original. Quando você não estiver usando a câmera, tente sair de sua conta. Isto fará com que ninguém mais possa acessá-la.

Se você estiver usando um celular ou um tablet para acessar a câmera, certifique-se de que estes dispositivos estejam protegidos com senhas fortes também. Tente instalar um programa antivírus em todos os seus dispositivos como uma medida adicional de proteção.

Não use o nome de usuário ou a senha original que veio com o aparelho. Os hackers e os criminosos conhecem bem esses valores originais e terão muito sucesso usando eles para acessar o seu aparelho, já que você nunca alterou as configurações originais.

Ative todas as configurações de segurança toda vez que você ligar a câmera. Coisas como o “s” que acompanham o http: no endereço URL da câmera são a grande diferença entre uma câmera protegida e uma câmera que pode ser facilmente hackeada. Se você está em dúvidas sobre a segurança de sua câmera, entre em contato com o fabricante para ter as suas perguntas respondidas.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Equipe da redação do TI Especialistas normalmente posta textos escrito por terceiros e enviados para o site com os devidos créditos.

Equipe da Redação

Comentários

You must be logged in to post a comment.

botão emergência ransomware (1)

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes