Carreira

Ξ Deixe um comentário

Jornada, Recompensa e Prazer

publicado por Arnaldo Auad

Muito do nosso sofrimento e mágoa vem de procurarmos a realização de maneira e em lugares em que ela não é possível, buscando encontrar novas necessiades a satisfazer sem olhar para aquelas que já foram satisfeitas.

Eu realmente duvido que possamos nos satisfazer com aquilo que não queremos de verdade. Portanto, o desânimo não resulta da falta de habilidade para conseguirmos o que buscamos, e sim de irmos atrás do que não queremos de fato e deixar de buscar o que nos traria real satisfação.

Perceba que quando você está faminto, a fome não se resolve comendo bobagens, não importa quanto você coma. A fome é extinta apenas quando comemos o que realmente necessitamos.

As dores emocionais não se podem curar com drogas e álcool, assim como o vazio na sua vida não poderá ser preenchido com a qualquer coisa que apareça.

É preciso esforço para olhar além do superficial e descobrir o real significado da sua vida. Mas saiba que a recompensa é grande, porque liberta da luta e da dor que vêm das coisas que você não quer de jeito nenhum.

Se você procura apenas a recompensa, mesmo que você a consiga ela poderá não ter significado nenhum. Procure, ao invés disso, estar à altura da recompensa e, conseguindo-a ou não, você a terá. A propósito, Você já se perguntou se está realmente à altura da recompensa que tanto busca?

De que vale a recompensa sem o esforço e a conquista? Que significado ela tem? Muito melhor é merecer a recompensa apesar e não ganha-la, do que ganhar a recompensa que você não merece.

Tudo que é precioso e valioso (seja um diamante, uma ideia, um automóvel de luxo, uma relação pessoal ou um negócio em crescimento) tem seu valor mais puro apenas em função do esforço que você empenha em criá-lo ou obtê-lo. Obter valor sem esforço é impossível, porque o esforço é o resultado do valor. Desejar a recompensa sem a conquista é perder de vista o que realmente importa: a Jornada.

Ainda assim, frequentemente acreditamos ver atalhos, tesouros instantâneos que tornarão nossa vida melhor da noite para o dia. Tomar estes atalhos é em resumo, um tremendo desperdício do gigantesco potencial que você detém, porque o tempo, as esperanças, as expectativas que são investidas quando perseguimos algo sem uma razão trazem pouquíssima realização.

Se você tentar chegar ao seu destino sem fazer a viagem, uma coisa é certa: você não chegará a lugar algum. Ao invés disso, continue sua viagem e o destino ficará mais próximo a cada ação, a cada passo, a cada minuto.

O prazer é uma recompensa maravilhosa, mas não um fim em si mesmo. Procurar o prazer somente pelo prazer é perder o valor e a alegria que o próprio prazer traz. O prazer é realmente bom quando não é buscado diretamente.

O prazer verdadeiro é o resultado de atingirmos um objetivo ou um propósito. Esteja certo que você não pode criar prazer. O prazer é apenas o subproduto de outra atividade. O prazer, como fim, é vazio, desprovido de propósito e insignificante. Como um dependente de drogas, que precisa da sua próxima dose, aqueles que procuram apenas o prazer não encontram satisfação duradoura.

Evitar a atividade e procurar diretamente o prazer desvirtua o propósito e rouba sua alegria e o significado. Quando “sentir-se bem” não tem profundidade, não adiciona valor nem alegria à sua vida. Lembre-se: o prazer é uma recompensa, não um estilo de vida.

Tenha em mente que devemos aproveitar todas as situações ao máximo. Mas somente o prazer devidamente ganho como recompensa a uma jornada que foi plenamente percorrida pode ser prazer verdadeiro.

Imagine, aja, realize e faça-se feliz!

Artigo publicado originalmente em: www.direcaoesentido.com.br

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Empresário, Escritor, Fundador da Meeting Soluções Estratégicas e da Direção e Sentido Coaching e Treinamentos, PNL Practitioner formado pela HP Consulting U.S.A., Certified Professional Coach pela Academia Brasileira de Coaching, licenciada pelo BCI – Behavioral Coaching Institute. Com mais de 20 anos de experiência em consultoria de gestão e implementação de estratégias, processos e sistemas de CRM, BI e ERP, atuo com implementação de Datawarehouses e da suite de soluções IBM Cognos atendendo clientes como Merial Saúde Animal, Electrolux, Banco Safra, F/NAZCA, Canon, Astra-Zeneca entre outros. O Behavioral Coaching Institute foi considerado por 3 anos consecutivos pela Survey ICAA como a número 1 em treinamento de Business and Organization Coaching Training. A Metodologia desenvolvida pelo BCI está presente nas maiores corporações mundiais como: Toyota, Sony, Citibank, Avon, Motorola, Nextel, Pfizer, Mercedez, NASA, Bank of New York, Ernest & Young, PriceWatherHouse, Banco de Singapura, Força Aérea Americana, Walt Disney World dentre outros. Sou Palestrante, Consultor de Gestão, Facilitador de Workshops e Treinador especializado em: · Liderança e empreendedorismo; · Relacionamento interpessoal; · Competências gerenciais; · Marketing de relacionamento; · Inteligência de negócios. Como Consultor Sênior para América Latina na HP Consulting, atuei intensamente na definição e implementação de processos de e-business e CRM em várias empresas no Brasil, Argentina, Chile Colômbia México e Estados Unidos. Participei ativamente na introdução de novas tecnologias no Brasil, onde atuei apresentação de sistemas consagrados no mercado americano para gestão de clientes tais como Vantive, Clarify e E.piphany ao mercado brasileiro.

Arnaldo Auad

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.