Tecnologia

Ξ Deixe um comentário

HDD vs SSD : Qual a Diferença?

publicado por Glauco Alex Picinini

Figura - HDD vs SSD : Qual a Diferença?Até pouco tempo atrás, tínhamos uma opção limitada quando o assunto era armazenamento de dados. Se você comprou recentemente um “ultrabook” ou “ultraportátil”, provavelmente seu drive primário (C:) deve ser um SSD (Solid State Drive). Os demais, desktops e notebooks de menor custo, utilizam em sua maioria os tradicionais HDD (Hard Disk Drive) ou simplesmente disco rígido. Um sistema de armazenamento pode ser configurado para ambos, ou seja, um Drive HD e outro SSD.

Basicamente a função principal de ambos é o armazenamento de dados não volátil, ou seja, não é perdido quando o micro é desligado. O HD é composto de discos metálicos cuja leitura e escrita é feita de forma magnética através de cabeçotes e leitura. Normalmente quantos mais discos houver em um dispositivo, maior tende a ser sua capacidade de armazenamento, e quanto maior for sua velocidade (rpm) maior tende a ser sua capacidade de transferência de dados, evidentemente existem outros fatores técnicos para essa comparação.

Um “drive” SSD, tem a mesma funcionalidade (salvar seus dados enquanto o sistema é desligado, reiniciado, etc), como um HD, porém ao invés de discos magnéticos o sistema é composto por vários chips de memória flash, que retém a informação quando o equipamento é desligado da energia, similar à um “pen-drive”.

Dispositivos SSD, podem ser encontrados instalados diretamente na placa-mãe de pequenos dispositivos e ultrabooks, ou mais comumente, quase na sua totalidade, na forma de pequenas “caixinhas” bem parecidos com um HDD de notebook, inclusive com o mesmo tipo de “interface” ou “slot” dos HDD facilitando assim sua instalação em quase todo tipo de equipamento.

O tipo de memória flash encontrada em um SSD, é diferente de um Pen-Drive USB, por exemplo, tanto por características estruturais quanto de velocidade. O que garante maior confiabilidade e aplicabilidade para o propósito a que se deseja. Comparativamente o custo de um SSD é muito maior que um pen-drive de mesma capacidade.

Os HDD’s surgiram em 1956, e foram evoluindo tecnicamente com o passar dos anos, diminuíram de tamanho, aumentaram a capacidade e a velocidade de leitura e escrita da informação. Hoje estão sedimentados nos padrões SATA 3.5” para “desktops” e 2.5” para “notebooks”, variando em capacidades de 500 Gb(Gigabyte) a 2 Tb (Terabyte), e os servidores ainda utilizam muito o padrão SCSI.

Os SSD’s tem uma história bem mais recente, sendo somente em 2007 que fabricantes começaram a disponibilizar estes drives (como unidade primária) em escala comercial em seus notebooks ou ultrabooks.

Admitindo que ambos fazem o mesmo trabalho, talvez a principal desvantagem do SSD em relação ao HD seja ainda o preço, ele é comparativamente bem mais caro por (GB) de armazenamento. Um SSD 2.5” de 480gb custa em torno de R$ 900,00 enquanto um HD SATA 2.5” de 500gb não chega a R$ 300,00. Outro fator importante é que por ser ainda uma tecnologia bem mais recente, não sabemos como ela se comportará em um longo período de tempo: 10, 15 anos ou mais, sujeita às intempéries do dia-a-dia.

Onde os SSD’s realmente se destacam é quanto à velocidade, são muito rápidos. Em tese, o tempo de boot de uma mesma versão do Windows, cai para menos da metade do tempo do que em um HD. Carregando aplicativos também mais rapidamente, melhora a performance geral do sistema. Não há necessidade de desfragmentação de arquivos, pois não há ganho de velocidade com este procedimento em SSD´s.

Outra vantagem é que por não ter partes móveis, o SSD tende a ser mais durável e confiável, além de apresentar muito menos ruído e esquentar bem menos.

Enfim, qual escolher? Depende da sua principal utilização, no caso de um notebook com processador core i5 com SSD, em muitos casos lhe dará uma experiência mais otimizada do que um outro com processador core i7 com HDD.

[Crédito da Imagem: SSD – ShutterStock]

  •  
    3
    Shares
  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Consultor Independente especializado em Tecnologia da Informação, com mais de 20 anos de experiência. Graduado em ciências da computação, com especializações e ênfase em softwares para gestão empresarial (ERP), integração de soluções, projetos de implantação e infra-estrutura. Atua no desenvolvimento de softwares e customizações utilizando : Delphi, Visual Studio (C# .Net), SQL Server, dentre outros. Contato: gapconsultor@gmail.com.

Glauco Alex Picinini

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.