E-Commerce

Ξ 3 comentários

Especial Ecommerce: Por Onde Começar um Ecommerce

publicado por Renzo Colnago

Vou montar uma loja online, comprar um iphone e, finalmente, vou trabalhar da praia.

Bem provável que não….

A teoria é essa mas a realidade é bem diferente. Uma frase que costumo reproduzir e, claro, dar os devidos créditos é a do Anselmo da renomada Wine: “a sua loja on-line é apenas um tirador de pedido…” O que está por trás de toda aquele visual bacana é uma empresa como outra qualquer e, muitas das vezes, com variáveis de gestão muito mais complexas.

A operação em ecommerce, muitas das vezes, acaba sendo mais complexa do que um mesmo negócio no mundo físico…  Contratar um designer de front end pode ser mais difícil do que contratar um designer de flyers e impressos offline assim como encontrar um bom profissional analista de links patrocinados pode ser mais complexo do que um profissional especializado em anúncios em revistas e impressos.

O comparativo feito acima não é para colocar medo mas, sim, um alerta para o um fato: Ecommerce não é brincadeira e, oportunismo, por si só, não dá lucro. É preciso foco e dedicação, além de boas análises e estudos do mercado em que se quer atuar em meio digital.

Por Onde Começar Para Montar Uma Loja

Iremos abordar esse tópico mais a fundo em outros posts. Tecnologia, design, integração, mercado, palavras chave, campanhas, concorrentes, enfim, diversas são as frentes a serem analizadas antes de partir para contratar uma plataforma, desenvolvê-la ou comprá-la…

Primeiro: O que você irá vender? Há alguém vendendo isso na internet? Quem é o maior player desse mercado no mundo? Quanto tempo esse player demorou para ter sucesso? Há impedimentos legais ou operacionais na comercialização desse produto no Brasil? Como um buscador (Google por exemplo) se comporta nas buscas de possíveis produtos a serem comercializados? É um produto com muitos homônimos?

Uma rápida pesquisa na internet te ajuda a responder as perguntas acima e começar a pensar na resposta de algumas outras: Como será o meu mix de produtos? Venderei todos os produtos da cadeia ou focarei em um nicho específico? Lembre-se da teoria da Cauda Longa (long tail) e sua aplicação no mundo do ecommerce: Digamos que você queira vender geladeiras na internet. Será que você estaria disposta a montar uma loja para competir com os gigantes já existentes? Será que se você segmentar a sua carteira de produto focando em, por exemplo, geladeiras pequenas do tipo frigobar você não teria mais resultados? Será que um comprador, em busca de frigobares não preferiria a sua loja, com grande variedade de frigobares, com discurso de especialista no produto àquela grande rede varejeira que vende frigobar e outras 300 opções de geladeiras…

Enfim, as oportunidades estão aí mas sem foco e muito estudo, dificilmente colhem-se resultados. Defina um bom nicho de mercado, estude uma boa carteira de produtos, faça uma análise de palavras chave e, sentindo firmeza, parta para nosso próximo e breve post! :)

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Renzo Colnago é Administrador de Empresas, Gerente de Projetos e Desenvolvedor de Produtos. Possui experiência em diferentes áreas da tecnologia e da internet: Telecom, webapps, aplicativos de mídia social e de comércio eletrônico. Particularmente interessado em desenvolvimento de negócios digitais. Site: blog.renzocolnago.com

Renzo Colnago

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.