Tecnologia

Ξ 1 comentário

Virtualização de Desktops

publicado por Eduardo Marques

A virtualização no Brasil já se firmou nos departamentos de TI das empresas, especialmente ao nível da virtualização de servidores como forma de reduzir espaço, maximar os recursos, reduzir o TCO (Total Cost of Ownership) e na economia de energia, reduzindo o impacto no meio ambiente.

Mas a virtualização não se fica por aqui. A virtualização está focando nos desktop (estações de trabalho) com características e facilidades muito além de uma simples máquina virtualizada para testes e simulações. Nos primórdios da TI surgiu o binômio cliente/servidor e após isso os serviços de terminal e remote desktop, entretanto com o surgimento de computadores cada vez mais baratos o foco mudou um pouco e os PCs dominaram as empresas. Apesar de todos os benefícios advindos, o suporte técnico de parques informáticos cada vez maiores e com mais usuários trazem problemas de manutenção acrescidos e apesar de políticas de domínio e diretórios ainda é complicado o “deployment” de estações.

A VDI (infraestrutura de virtualização de desktops) vem combinar o uso da tecnologia cliente/servidor à separação da camada física de hardware das máquinas virtuais. Podemos então disponibilizar através desta arquitectura uma VM (Virtual Machine) distribuída através de um servidor central e que ao contrário do que acontece nos Terminal Services não é uma parte do sistema operacional, ou seja, se um usuário utilizar um aplicativo que trave o sistema operacional isso não irá afetar as VMs dos demais usuários.

A VDI separa ainda em diferentes camadas o sistema operacional (Virtualização de S.O.), os aplicativos (Virtualização de aplicações) e os perfis do usuário (Virtualização de usuário). Podemos compor a VDI tendo como base o Hypervisor (a camada que virtualiza o hardware), seguindo-se a camada que contém o sistema operacional, após isso a camada contendo os aplicativos e por fim a camada contendo os perfis de usuário. Desta forma, o sistema como um todo está muito mais protegido, é possível criar e destruir VMs, atualizar sistema operacional e aplicativos sem interferências e com segurança.

As principais vantagens do uso da Virtualização de Desktops são:

  • Melhorar e simplificar o gerenciamento da infraestrutura de estações de trabalho
  • Simplificar a migração de Sistemas Operacionais e Aplicativos
  • Prover a continuidade de negócio/recuperação de desastres
  • Reduzir o custo da infraestrutura de estações de trabalho
  • Alternativa a upgrade de equipamentos
  • Providenciar mobilidade aos usuários

Apesar das vantagens, é de salientar que podem existir pontos de falha e gargalos no sistema, já que depende muito da estrutura de rede. No entanto, é possível amenizar esses fatores com protocolos de alta velocidade (como o ICA da Citrix) e otimizadores/gerenciadores de rede. No caso de uma falha na rede, é possível ainda que a estação de trabalho contenha uma cópia da VM para que o sistema se mantenha operacional até ao re-estabelecimento da conexão.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Eduardo Marques, 21 anos de experiência, é Consultor de T.I. atuando nas áreas de Gestão de TI, Projetos, Infraestrutura e Segurança. Possui formação em Tecnologia da Informação e em Administração, com especialização em segurança de sistemas da informação e administração de redes de computadores. Veja mais artigos do autor, aqui. LinkedIn: http://br.linkedin.com/in/eduardoluismarques Email: emarques@progere.com

Eduardo Marques

Comentários

1 Comment

  • Excelente colocação! As empresas devem adotar uma estratégia para TI verde, não só para economizar, mas também, como o nome mesmo diz, ajudar nas relações direta e indireta com o meio ambiente. Na última empresa em que trabalhei, disponibilizamos a tecnologia de Thin Clients para todos os colaboradores onde foi possível!

    Parabéns e Sucesso!

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.