Tecnologia

Ξ Deixe um comentário

Software da Ericsson reforça cobertura indoor e adoção de IoT

publicado por Ericsson

Figura - Software da Ericsson reforça cobertura indoor e adoção de IoT

  • Ericsson lança as próximas grandes atualizações de software: Ericsson Networks Software 16A e IoT Networks Software 16B
  • Novos softwares impulsionam velocidade de uplink da rede em até 200%, velocidade de downlink em até 30% e contempla o LTE Unlicensed (LTE-U), primeiro passo comercial em dispositivos baseados em Licensed Assisted Access
  • IoT Networks Software 16B oferece redução de custos do dispositivo de IoT, maior duração da bateria e melhor cobertura indoor

Ao longo dos últimos anos, uma grande mudança na conectividade vem ganhando velocidade. Nós nos afastamos da era do laptop e ingressamos em uma era totalmente móvel, onde nos conectamos com amigos, familiares e colegas através de diferentes dispositivos – que aumentarão para 4,3 dispositivos por usuário em 2020* – e onde as transações comerciais são muitas vezes feitas através da rede de telefonia celular. O afluxo resultante de dispositivos, usuários e aplicativos que tentam acessar a rede pode resultar em má cobertura indoor e desempenho. E com o crescimento em IoT que contribuirá para que 26 bilhões de dispositivos estejam conectados em 2020, oferecer a cobertura certa para espaços indoor será um desafio maior.

Para apoiar essas mudanças na conectividade, a Ericsson (NASDAQ: ERIC), há muito tempo reconhecida por alto desempenho e hardware inovador, está aprimorando o desempenho de software pela adição de capacidade e funcionalidades, além de redução de custos dos dispositivos, maior duração da bateria e melhor cobertura indoor.

Ericsson Network Software 16A:

Entre as centenas de novas e melhoradas funcionalidades do Network Software 16A, o novo conjunto apresenta avanços em desempenho de velocidade de uplink e downlink – impulsionando velocidades de uplink da rede em até 200%, velocidades de downlink em até 30% e contemplando o LTE Unlicensed (LTE-U), primeiro passo comercial em Licensed Assisted Access – bem como recursos para apoiar uma maior eficiência energética das small cells. Para alcançar esses ganhos, a Ericsson tem trabalhado com os principais clientes em testes de laboratório e atividades experimentais.

Melhorias adicionais se concentraram no aumento das velocidades de download em espaço indoor em 30% usando codificação 256 QAM. No início desse ano, em uma demonstração ao vivo com a Ericsson, a Telstra conseguiu atingir as taxas mais altas de download do mundo, com 600 Mbps e usando esse novo recurso.

Arun Bansal, Vice Presidente Senior de Rádio, Ericsson, diz: “Para manter o ritmo da demanda de banda larga móvel dos consumidores e da indústria, as operadoras precisam de soluções que proporcionem alto desempenho e eficiência. As inovações de software da Ericsson proporcionam essas duas coisas combinando soluções end-to-end, modelos de negócios e go-to-market.”

Ericsson IoT Network Software 16B:

Já existem mais de 230 milhões de assinaturas móveis M2M, mas alguns desafios têm limitado o potencial para a adoção em larga escala através de uma variedade de casos de uso, por exemplo: o custo de dispositivos IoT, a vida útil da bateria e a cobertura da rede de celular em áreas remotas e no interior dos prédios.

As redes de celulares já cobrem 90% da população do mundo, mas, mesmo com as redes funcionando, ainda existe uma série de obstáculos no suporte à adoção de IoT no mercado em massa. A Ericsson está abordando esses desafios com o Ericsson IoT Network Software 16N, um novo conjunto segmentado de atualizações de software e avanços no ecossistema que vão acelerar a absorção de IoT para o benefício da indústria e dos consumidores.

Trabalhando com seus parceiros de ecossistema, os avanços no novo IoT Networks Software 16B da Ericsson oferece:

Custo reduzido do dispositivo de IoT – O novo software suporta LTE categoria 0 com operação semiduplex em FDD, o que limita de forma eficaz a funcionalidade e a capacidade que são exigidas especificamente para aplicações de IoT, como sensor de grande escala e implantações de medidores inteligentes. Essa complexidade reduzida corta o custo do dispositivo em 60% em comparação com a categoria 4.

Maior vida útil da bateria – Ter uma bateria com 10 anos de vida útil é uma das metas para 5G e a Ericsson está lançando duas novas atualizações de software para eficiência de energia que permitem atingir esse objetivo em dispositivos atuais de IoT.

Modo de economia de energia do dispositivo para LTE e GSM é um novo recurso de economia de energia de dispositivo que apresenta um estado de hibernação profundo, enquanto o Extended Discontinuous Reception (DRX) para GSM estende os ciclos de hibernação no modo inativo.

Maior cobertura indoor – Software de cobertura estendida para GSM proporciona uma melhoria de 20 dB, levando a uma extensão sete vezes maior na gama de aplicações de baixa taxa. Isso permite o uso de aplicações de IoT em locais remotos e até no subsolo de edifícios.

Ken Stewart, Chief Wireless Technologist e Fellow, Intel Corporation, diz: “A conectividade é crítica para a adoção em massa das novas aplicações de IoT para cidades e indústrias inteligentes. A Intel está ajudando a abrir o caminho para o rápido crescimento de IoT através de sua pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias de ponta e do trabalho em estreita colaboração com parceiros do ecossistema. Temos o prazer de colaborar com a Ericsson para conduzirmos em conjunto a adoção  de soluções que podem ser usadas imediatamente nas redes dos operadores já existentes.”

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

A Ericsson é a impulsionadora da Sociedade Conectada – uma empresa líder em tecnologia da comunicação e serviços. Nosso relacionamento a longo prazo com todas as maiores operadoras no mundo permite que pessoas, negócios e sociedades alcancem seu potencial e criem um futuro mais sustentável. Nossos serviços de softwares e soluções de infraestrutura – especialmente nos setores de mobilidade, banda larga e na nuvem – permitem à indústria de telecomunicações e outros setores a concretizar melhores negócios, aumentar a eficiência, melhorar a experiência do usuário e captar novas oportunidades. Com mais de 110 mil profissionais e clientes em 180 países, combinamos tecnologias em escala global e liderança em serviços. Damos suporte a redes que conectam mais de 2,5 bilhões de assinantes. De todo o tráfego mundial de dados, 40% deles passa pelas redes da Ericsson. Nosso investimento em pesquisa e desenvolvimento garante que nossas soluções – e nossos clientes – estejam sempre na frente. Fundada em 1876, a Ericsson está sediada em Estocolmo, na Suécia. Em 2013, a empresa gerou receitas de 227,8 bilhões de coroas suecas (US$ 34,9 bilhões). A Ericsson está listada nas bolsas de valores NASDAQ OMX (Estocolmo) e NASDAQ (Nova York). Na América Latina estamos presentes desde 1896, quando entregamos equipamentos pela primeira vez na Colômbia, e este ano completamos 90 anos de presença no Brasil. No início do século XX, aumentamos nossa presença na região ao firmar acordos na Argentina, Brasil e México. Hoje, estamos presentes em mais de 50 países da América do Sul, América Central, México e Caribe, com instalações completas, como duas unidades de Produção e Centro de Inovação com atividades de pesquisa e desenvolvimento (P&D), além de Centro de Treinamento. A Ericsson é a fornecedora líder do setor de telecomunicações com mais de 40% do mercado na América Latina e mais de 100 contratos de serviços de telecomunicações na região.

Ericsson

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.