Carreira

Ξ Deixe um comentário

Não existe o “trabalho ideal”

publicado por Luiza Rezende

Não existe o "trabalho ideal"Não existe um “trabalho ideal” a “empresa ideal” para se trabalhar. Depende do estilo da pessoa, das ambições da pessoa, dos valores da pessoa. Para alguns é melhor ser autônomo, para outros concursado, para outros ter o próprio negócio, para outros trabalhar em uma multinacional, para outros, trabalhar na empresa da família.

Depende da pessoa, dos valores dela, do que representa qualidade de vida e paz para ela. Para saber que tipo de trabalho combina com você, é necessário refletir, se conhecer, experimentar. Pensar profundamente quem é você e o que você veio fazer aqui. Qual é sua missão nessa passagem chamada ‘vida’? Nessa sua trajetória até agora, onde você costuma se destacar? O que você parece mais gostar de fazer e sente que evolui como pessoa enquanto faz? O que te traz muita satisfação? Como você acha que pode agregar à sociedade?

Uma pergunta que costumo fazer para quem está em dúvida de qual caminho seguir profissionalmente é: se você tivesse 1 bilhão na sua conta bancária, que tipo de atividade você gostaria de realizar para o resto da sua vida? Essa resposta pode ser uma pista sobre quem você é e o que sinceramente você gosta de fazer. Talvez o trabalho ideal para você envolva algo em torno dessa atividade que você respondeu acima.

Não adianta acompanhar modismos ou se apoiar em clichês sociais. Quem sabe qual é o trabalho ideal para você é você mesmo, do alto do seu autoconhecimento. Tem gente que quer estabilidade, segurança, dinheiro garantido todo mês e pouca adrenalina. Outros preferem o êxtase de ganhar ocasionalmente “boladas” de dinheiro, mesmo que o salário base seja mais baixo. Preferem ter a chance de dar saltos, ter a chance de ter um super desempenho ou uma bela sorte que mude sua vida. Isso os instiga, os faz acordar felizes todo dia. Outros valorizam acima de tudo ter o próprio negócio, mesmo que isso signifique abrir mão de conforto e estabilidade. Preferem sentir que criaram algo novo, algo que traga um pouco deles ao mercado, ao mundo. Outros preferem ter seu consultório/escritório e atender cliente a cliente, de forma mais personalizada e quase artesanal.

São muitos perfis de trabalho e vários podem ser ideais para você. Mas antes você precisa se conhecer, saber o que te importa, saber o que você veio fazer em sua passagem pela Terra. Parece meio “astrológico” esse papo, mas felicidade tem a ver com satisfação pessoal profunda; felicidade tem a ver com descobrir quem você é e o que veio fazer aqui. Então, quando pensar em carreira, trabalho, trajetória profissional, pense também: qual a minha missão na Terra?

Artigo publicado originalmente em www.startupblogbrazil.com

[Crédito da Imagem: Trabalho Ideal – ShutterStock]

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Compare preços de Uber, 99 e Taxi

Minimum Way

Autor

Formada pela Universidade de São Paulo, é sócia da SRC Advogados, escritório de advocacia brasileiro especializado em Startups, Empresas de Tecnologia e Direito Empresarial. Fluente em seis línguas, adora viajar e escreve periodicamente em seu blog Startup Blog Brazil. Como Business Advisor ela auxilia empresários a serem mais eficientes e como Startup Expert ajuda empreendedores a elaborarem e implementarem sua estratégia. Contato: luiza@startupblogbrazil.com.

Luiza Rezende

Comentários

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.

Artigos Recentes