Mercado

Ξ Leave a comment

PicPay cria central de doações e isenta taxas de empresas

posted by Equipe da Redação

CUFA, Amigos do Bem, Instituto Ronald McDonald e Médicos Sem Fronteiras estão entre as iniciativas que arrecadam recursos para combate à pandemia.

Diante do sensível momento vivido pela sociedade, empresas dos mais diversos segmentos têm assumido a responsabilidade social de contribuir para o combate ao Covid-19. Nesse sentido, a carteira digital PicPay anuncia a criação de uma central de doações para conectar pessoas a causas que arrecadam fundos para conscientização, amparo a pessoas em risco e prevenção à pandemia. A fintech também passa a isentar taxas de usuários do PicPay Empresas até o final de abril.

Central de doações

O lançamento da central de doações vem acompanhado do hotsite http://centraldedoacoes.picpay.com/, onde estão detalhadas as iniciativas de combate ao coronavírus. O projeto começa com os parceiros CUFA (Central Única das Favelas), Amigos do Bem, Instituto Ronald McDonald, Médicos Sem Fronteiras e Visão Mundial.

A CUFA busca arrecadar fundos para a iniciativa Mães da Favela, em prol das moradoras das comunidades. O objetivo é distribuir bolsas de R﹩ 120 para, inicialmente, 5 mil mães de 12 Estados brasileiros. No caso do Amigos do Bem, o dinheiro servirá para compra de alimentos e produtos de limpeza, que serão distribuídos a diversas famílias do sertão nordestino como medida preventiva à pandemia.

Por sua vez, o Instituto Ronald McDonald irá direcionar os recursos para promover a saúde e qualidade de vida de crianças e adolescentes com câncer, considerado grupo de alto risco; enquanto o Médicos sem Fronteiras oferecerá apoio às equipes médicas de locais sobrecarregados pelo alto número de casos simultâneos de Covid-19.

Já as doações para a Visão Mundial terão foco nas crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade, principalmente refugiados, migrantes e pessoas que vivem em comunidades com altos índices de pobreza.

Tanto pelo aplicativo quanto pelo hotsite, os usuários do PicPay poderão buscar pelos nomes das instituições e fazer as contribuições à distância na quantia desejada, sem taxas incidentes. Os valores serão repassados integralmente às causas.

“Buscamos ser um meio facilitador para que nossos mais de 14 milhões de usuários possam realizar doações à distância pelo celular, em segundos e em segurança, sem sair de casa”, afirma Anderson Chamon, cofundador e diretor executivo de Tecnologia e Produto da fintech. “O PicPay abraça essa vocação desde 2013, quando ajudou a coletar recursos para vítimas de uma forte enchente em Vitória, cidade natal da empresa. De lá para cá, foram feitas diversas campanhas de arrecadação, como para as instituições AACD, Hospital de Amor e Femama”.

Taxa zero

Como ajuda para contenção das consequências dessa crise entre empresas e microempreendedores individuais (MEIs), os usuários do PicPay Empresas terão isenção, até o final de abril, da taxa para recebimento de pagamentos – único encargo cobrado dessa categoria pelo aplicativo.

O cliente poderá fazer sua compra pelo celular, com saldo em carteira ou cartão de crédito – sem contato físico e à distância, no caso do delivery ou e-commerce – e o valor ficará disponível na conta da empresa já no dia seguinte.

“Sabemos que este é um momento muito sensível e, mais do que nunca, devemos pensar no coletivo. Somos uma empresa de tecnologia e nossas estratégias são centradas nas necessidades dos usuários. Diante dessa crise, buscamos contribuir para a manutenção e a perenidade das atividades dos estabelecimentos comerciais parceiros – de MEIs e pequenos negócios a grandes empresas”, explica Gueitiro Genso, CEO do PicPay.
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Mais sobre a empresa

Equipe da redação do TI Especialistas normalmente posta textos escrito por terceiros e enviados para o site com os devidos créditos.

Equipe da Redação

Comentários no Facebook

You must be logged in to post a comment.

Busca

Patrocínio

Publicidade




Siga-nos!

Newsletter: Inscreva-se

Para se inscrever em nossa newsletter preencha o formulário.