Inteligência Artificial

Ξ Deixe um comentário

As últimas tendências na Inteligência Artificial

publicado por Augusto Vespermann

Figura - As últimas tendências na Inteligência ArtificialA Inteligência Artificial, ou IA, tem vindo a ser desenvolvida há anos e mais rapidamente em tempos recentes. As previsões para a IA em 2016 foram que seria como 2015, mas mais rápida e mais intensa, e da mesma forma, 2017 deverá ser uma versão mais forte de 2016.

As tecnologias que fizeram grandes avanços em 2016 devem dar saltos ainda maiores em 2017 e as preocupações com a IA também aumentaram. Uma das principais preocupações é que a IA vai assumir os postos de trabalho dos seres humanos, embora muitos especialistas também digam que, à medida que a mão de obra de IA evolui, o mesmo acontecerá com os trabalhos que apenas as pessoas podem desempenhar. A maneira como negociamos a IA e o nosso relacionamento com ela agora vai ser importante para como os próximos anos se desenrolarão.

Desenvolvimentos esperados na IA em 2017

Em 2017, podemos esperar que os campos de IA de aprendizagem profunda e de extracção de dados grandes conduzam a mais desenvolvimento de apps pela Inteligência Artificial. A consultoria de pesquisa Gartner prevê que, até 2018, a maioria das 200 maiores empresas do mundo irá explorar a análise analítica da IA para desenvolver apps e melhorar o atendimento ao cliente de outras maneiras. Estas mesmas capacidades analíticas devem levar a melhores previsões por IA, incluindo no diagnóstico e tratamento de problemas médicos.

Espera-se que a Internet das Coisas seja dominante em 2020 e a evolução em 2017 deverá incluir coisas como a próxima geração de rastreadores de fitness a analisar informações de saúde e treino para fazer recomendações personalizadas. Tudo vai tornar-se mais fluído e servir-nos melhor no dia-a-dia, mas para muitas pessoas a questão-chave é como vamos gerir tudo isto no futuro. Precisamos de continuar a controlar a Inteligência Artificial, em vez de esta nos começar a controlar a nós.

Trabalhar em Função de um Futuro Equilibrado  

Com os mais recentes modelos biológicos do MIT e da Google a criar redes neurais semelhantes ao cérebro humano, mas com mil milhões de nós, comparados aos nossos 100 mil milhões de neurônios, a IA parece não nos ter usurpado ainda, mas isto poderá mudar no futuro.

Ainda é verdade que nos níveis mais altos precisamos de pessoas a controlar a Inteligência Artificial, para que uma revolta de máquinas contra os seres humanos não seja ainda iminente. Dito isto, os bandidos cibernéticos poderiam facilmente criar ou usar IA existente para fins nefastos, como hacking e isso, em si, é um perigo.

O poder e as capacidades da IA precisam claramente de ser geridos e o mundo parece cada vez mais ciente disso. Os sociólogos estão a estudar o impacto de assistentes virtuais melhorados na nossa dinâmica de grupos sociais, as empresas emergentes de Inteligência Artificial estão a multiplicar-se, os advogados estão a considerar o que seria um caso contra um carro a conduzir-se de forma autónoma e com a Conferência de Fronteiras de 2016, a Casa Branca reconheceu a crescente importância de todas as formas de tecnologia da IA.

Os especialistas reconhecem os potenciais imprevistos, tais como perdas de emprego ou IA perigosa e estão a tomar medidas para ajudar a geri-los, enquanto beneficiam do que a Inteligência Artificial pode dar à raça humana.

Artigos Relacionados

Autor

Augusto Vespermann é fundador do Portal TI Especialistas, além de fundador e moderador de uma das maiores comunidades de tecnologia do LinkedIn, o TI Especialistas Brasil, com aproximadamente 85.000 membros. Tem experiência de 16 anos na análise desenvolvimento de sistemas web em várias linguagens de programação. Aficcionado por tecnologia e sempre atento às novidades do mercado.

Twitter: @augustosvm
LinkedIn: Augusto Vespermann

Augusto Vespermann

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos!

Patrocínio

SUPER PROMOÇÃO

Facebook

Facebook By Weblizar Powered By Weblizar

Inscreva-se em nossa Newsletter