Carreira

Ξ Deixe um comentário

5 dicas de ouro para o salário dos seus sonhos

publicado por Claudio Eden

Como é possível melhorar seu salário? –  principalmente se você for um profissional de TI.

Salário ideal

5 dicas de ouro para o salário dos seus sonhos. Veja neste artigo, que não tem a pretensão de esgotar o assunto e tão pouco ditar rigorosamente, quais são essas 5 dicas e o que deve ser feito para chegar lá.

Mas tenha em mente: não são apenas essas cinco  regras que devem ser seguidas e, talvez em seu ambiente de trabalho ou na fase da sua vida profissional em que você se encontra, você pode ter algumas dicas a mais que deva priorizar ou talvez uma ou mais dessa lista possa lhe parecer sem importância neste momento. Porém sugiro que leia, se preciso releia, e faça uma auto-avaliação.

As constantes dúvidas

Todo mundo que ingressa numa área que é relativamente nova no mercado de trabalho, fica se perguntando o tempo todo o que fazer e qual caminho trilhar para que consiga alcançar um bom salário.

Há também os que já estão atuando em um segmento, e se perguntam como conseguir aquele aumento tão sonhado.

Quem passa muito por isso são os profissionais de Tecnologia da Informação, tanto os mais experientes quanto – e principalmente – os novatos, como é comum de vermos através das perguntas frequentemente feitas nas mais diversas listas e grupos especializados para profissionais deste nicho.

As perguntas variam. Alguns querem saber quais as qualificações devem buscar para garantir esse almejado aumento. Outros, ainda sem saber bem o que os esperam, indagam sobre qual o segmento dentro da área, é o mais rentável para focarem na tentativa de seguir uma carreira objetivando apenas um salário que lhe encha os olhos.

Embora basicamente seja muito importante manter-se atualizado na sua área, existem algumas outras estratégias para que você consiga crescer no mercado e ter um bom salário. E como dissemos mais acima nesse artigo: mesmo sendo um profissional de TI.

E foi pensando nisso que decidimos te ajudar, contando um pouco mais sobre essas estratégias e como elas podem te ajudar a conquistar um salário melhor. Confira!

Nota: a ênfase proposital ao trecho “mesmo sendo um profissional de TI” se dá pelo fato de ser comum ouvir lamentações de colaboradores da área tecendo teorias sobre o fato de entenderem que a área de TI remunera muito mal aos seus profissionais. Porém é preciso que o profissional esteja antenado nos tópicos expostos mais adiante neste artigo, que entenda a essência do que é o valor agregado que o profissional pode oferecer à organização e que a obsolescência e estagnação não tem espaço em nenhuma profissão, menos ainda, na área de Tecnologia da Informação que é uma área de extremo dinamismo.

1. Seja Comprometido.

Talvez você já esteja saturado com essa palavra e já queira parar de ler por aqui. Não faça isso. Comprometa-se.

Como já dissemos antes, estudar é muito importante, sim. Mas você pode ter um bom salário sendo um profissional de TI fazendo com que a empresa reconheça o seu valor.

Demonstrar boa vontade, conhecimento e comprometimento é ideal para que seus colegas, e principalmente a gestão da empresa, percebam o quanto você é um profissional valioso naquele grupo. Então, mostre do que você é capaz e não apenas se envolva, mas comprometa-se.

Nada melhor para ficar bem claro e me fazer entendido sobre a diferença entre envolver-se e comprometer-se, do que a conhecida fábula da galinha e do porco, onde para que tenhamos um delicioso café da manhã acompanhado de ovos e bacon, é preciso que a galinha apenas esteja envolvida, ou seja, ela apenas contribui fornecendo para isso, seus ovos, que poderão ser fornecidos dia após dia enquanto ela dá continuidade à sua vida ciscando como se nada lhe dissesse respeito. Enquanto que para termos o bacon em nossas mesas, é preciso que o porco se comprometa, ou seja, deve ser sacrificado, assumir uma alta responsabilidade, se empenhar e entregar por completo.

2. Mantenha os olhos na demanda.

Os cargos de TI que oferecem os salários mais altos são aqueles que exigem mais do profissional, é claro. No entanto, faltam pessoas para preencher essas vagas. E se você procurasse se encaixar nesses cargos? Algumas empresas pagam até vinte mil reais para quem exerce a função de executivo nesta área, por exemplo.

Aumentar sua responsabilidade na empresa, com certeza, seria uma maneira de ter um bom salário sendo um profissional de TI, mas é preciso se comprometer e estudar muito! Aprimore seu conhecimento sempre que puder.

Se você entrou na empresa como um profissional júnior, mostre que sabe exatamente o que está fazendo e que tem muito mais a oferecer, pois dessa forma, as pessoas perceberão que você se encaixaria muito bem em um cargo de maior responsabilidade.

 

3. Educação continuada. Adquira experiência sempre.

Se o seu sonho é atuar em uma determinada área de TI, mas ja faz algum tempo que não é possível encontrar vagas nesse segmento, aceite o que vier. A maneira mais fácil de conseguir aquilo que queremos é adquirindo experiência.

Não desanime e tire proveito daquilo que está aprendendo, para que quando aparecer uma oportunidade melhor, você seja o candidato que mais tem a acrescentar.

Porém evite pela necessidade de aceitar novos desafios, deixar seu currículo perdido, de maneira que os recrutadores não consigam entender de fato qual sua área, em que você é bom. Melhor talvez aceitar novos desafios com remuneração mais baixa porém dentro do seu segmento, de modo que consiga obter mais experiência dentro da sua área e assim conseguir o esperado crescimento a ficar quicando em diversas áreas, se perdendo em meio a tantos cursos e tempo dedicado, que em breve, se tornarão desnecessários para você.

Ao conseguir estar no lugar que acha devido, busque cursos, graduações, especializações, participe de oficinas, seminários. Quanto maior sua bagagem, melhor será sua condição de atender as outras 4 dicas desse artigo.

4.Tenha e mantenha seu networking.

Impressionar alguém que exerça uma função superior na empresa que você trabalha é uma boa maneira de mostrar que você merece reconhecimento por aquilo que faz, o que pode eventualmente acabar em um aumento de salário.

Se envolver com profissionais dessa área, principalmente os que tem mais experiência, aumenta suas chances de ser visto em destaque, já que as pessoas tendem a ouvir muito mais a opinião de funcionários influentes.

Se mostrar conhecedor de um assunto, participar de eventos e cursos com outros profissionais de seu segmento, também ajudarão você a se tornar uma pessoa sociável e conhecida no seu meio.

Acredite, isso é muito importante. Podemos exemplificar com dois benefícios que são muito fáceis de se comprovar: 1. em eventual necessidade de recolocação no mercado, você poderá contar com seu ciclo de amizades. É muito comum uma contratação ser feita através de indicação. 2. em uma oportunidade de promoção, o profissional que possui um ciclo de conhecimento aumenta suas chances de ser lembrado e reconhecido.

Mas lembre-se: o seu networking só se manterá sólido e funcional, se for pautado na realidade. Não seja um personagem. Isso poderá pesar contra você.

5. Faça o que goste.

Por último porém nem de longe a dica menos importante: Faça o que goste.

Pode lhe parecer clichê, pode lhe parecer algo inimaginável, mas acredite: não busque uma atividade apenas pelo valor médio de salário. Escolha algo que goste, algo que sinta prazer em realizar.

Essa é fácil de identificar o porque. Basicamente dois são os motivos:

  1. Fazer o que não lhe é prazeroso vai gerar em você muito estresse e irritação, consequentemente, não terá performance e muito dificilmente entregará resultados com qualidade.
  2. E contrapondo o primeiro item, fazer o que lhe dá prazer, fará com que se empenhe, se comprometa, que busque melhorar a cada entrega, que te reconheçam pela qualidade que você imprime em suas atividades, lhe tornará bom, quem sabe o melhor, naquela atividade.

Não caia na armadilha de tentar seguir uma trilha porque um colega da mesa ao lado está ganhando um salário melhor que o seu. Ele pode estar em uma dessas situações: realizado por estar fazendo o que de fato gosta e seguindo o caminho certo ou então, muito estressado não vendo a hora de largar tudo e “chutar o balde”, possivelmente desperdiçando todo o tempo e investimento que eventualmente tenha feito até então em sua vida profissional.

Se não for sua praia, as possibilidades de entrar no caminho errado é grande. Os problemas e o prejuízo, serão questão de tempo.

Conclusão

A área de Tecnologia da Informação está cheia de oportunidades para quem deseja adentrar e para quem almeja um salário maior. Mesmo que você trabalhe no cargo mais baixo da empresa, é perfeitamente possível crescer, quando você desempenha suas atividades demonstrando competência, boa vontade e comprometimento.

Em determinados cenários – seja motivado pela economia, pela demanda do mercado ou qualquer outro fator capaz de mexer e alterar com os assuntos ligados à empregabilidade –  manter-se alinhado a essas 5 dicas pode valer muito mais do que o quanto você sabe, ou diz saber através de títulos obtidos e de um currículo recheado, principalmente porque o mercado está escasso de pessoas que não fogem dos desafios quando eles aparecem e que estejam devidamente alinhados aos objetivos da organização nas quais estão alocados.

Se torne necessário, fazendo o que gosta, empenhando e comprometendo e então, colha seus frutos!

Qual sua opinião? O que tem a acrescentar? Deixe seu comentário.

Imagens: https://pixabay.com/

Artigos Relacionados

Autor

Consultor e Gestor de TI na EDEN Soluções em Tecnologia. Analista de Sistemas na ZPE CEARÁ – Zona de Processamento de Exportação do Ceará.

Profissional da área de Tecnologia da Informação desde 1986, graduado em Gestão de TI e em Análise e Desenvolvimento de Sistemas. MBA em Gerenciamento de Projetos.

Cursou especialização em Engenharia e Arquitetura de Software. Pós-graduando em Arquitetura e Projetos de Cloud Computing.

Conhecimento dos padrões e melhores práticas de mercado para TIC aplicados ao Gerenciamento de Serviços de TI, com certificação ITIL e ISO 20.000.

Adepto da ideologia do compartilhamento do conhecimento e ao segmento Código Livre desde 2000, desenvolveu um sistema para gerenciamento e acompanhamento de ligações para Contact Center, baseado em Asterisk e gerenciou a plataforma em Contact Center com grande volume de ligações.

Sólidos conhecimentos em infra-estrutura de TIC e Service Desk com larga experiência em gerenciamento de equipes e contratos. Evangelizador da aderência aos princípios de Governança de TIC e da observância aos processos, como pilares na busca da melhoria contínua no segmento ITSM.

Claudio Eden

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos!

Patrocínio

SUPER PROMOÇÃO

Facebook

Facebook By Weblizar Powered By Weblizar

Inscreva-se em nossa Newsletter